Juntos somos mais fortes

Filie-se agora

Notícias

RESUMO DA SEMANA – De 14 a 19 de Setembro de 2020 - ABRACAM NOTÍCIAS

www.abracambrasil.org.br Foco na Política com o jornalista Milton Atanazio direto da Capital Federal   As 5 mais do Poder 360   1 – PESQUISA Bolsonaro lidera corrida eleitoral para 2022 com 35%; Lula tem 21% Em eventual 2º turno, há empate; Pesquisa realizada pelo PoderData; Moro fica em 3º lugar, com 11%; Haddad tem 10% em 2º cenário Bolsonaro e Lula: atual presidente está 14 pontos percentuais à frente do petista. Em eventual 2º turno, ambos aparecem empatados Pesquisa realizada pelo PoderData mostra o presidente Jair Bolsonaro à frente na corrida eleitoral para 2022, com 35% das intenções de voto. O ex-presidente Lula (PT) aparece em 2º lugar, com 21%. O ex-ministro Sergio Moro foi citado por 11% dos entrevistados. Outros 11% afirmaram que iriam votar branco ou nulo. Os dados foram coletados de 14 a 16 de setembro, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. Foram 2.500 entrevistas em 459 municípios, nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. A pesquisa foi realizada pelo PoderData, divisão de estudos estatísticos do Poder360. A divulgação do levantamento é realizada em parceria editorial com o Grupo Bandeirantes. Em 2018, mesmo preso em Curitiba, Lula foi registrado candidato à Presidência da República. Seu vice foi Fernando Haddad, que acabou encabeçando a chapa quando o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) rejeitou a candidatura do petista. Hoje, o cenário é diferente. Lula foi solto em novembro de 2019. Também há 1 processo no STF (Superior Tribunal Federal) que pede a suspeição do ex-juiz Sergio Moro na operação Lava Jato. Atualmente, o político está inelegível pela Lei da Ficha Limpa. Tenta na Justiça recuperar seus direitos políticos. A decisão dos ministros da Corte, se favorável a Lula, pode anular 1 dos processos que impedem o petista de se candidatar. O ministro Gilmar Mendes já afirmou que quer pautar o tema “assim que possível”. 2 – ELEIÇÃO Bolsonaro empataria com Lula e Moro no 2º turno, mostra PoderData Vence Ciro, Doria e Haddad; Contra Lula: ambos têm 41%; Com Moro, há empate técnico; Lula herda 32% dos votos do ex-juiz O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ex-ministro da Justiça e ex-juiz federal Sergio Moro (sem partido) Pesquisa PoderData indica que o presidente Jair Bolsonaro venceria os ex-ministros Fernando Haddad (PT) e Ciro Gomes (PDT) e o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), em eventual disputa em 2º turno na eleição presidencial de 2022. Empataria com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e com o ex-ministro da Justiça e ex-juiz federal Sergio Moro (sem partido). Contra Lula, o levantamento mostra que ambos têm 41% das intenções de voto. Em 2018, mesmo preso depois de condenação em 2ª Instância, o ex-presidente foi registrado como candidato à Presidência. O TSE (Tribunal Superior Eleitoral), no entanto, barrou a candidatura com base na Lei da Ficha Limpa. Agora solto, depois de nova interpretação do STF (Supremo Tribunal Federal) sobre prisão pós-2ª Instância, Lula tenta tornar-se elegível. No entanto, além de duas condenações (casos tríplex do Guarujá e sítio de Atibaia), enfrenta duas denúncias da Lava Jato em Curitiba, 4 ações na Justiça Federal do Distrito Federal e uma na Justiça Federal de São Paulo. 3 –ELEIÇÕES MUNICIPAIS Eleições municipais: 13 prefeitos de capitais buscarão reeleição em 2020 Outros 12 estão no 2º mandato; 5 pré-candidatos são do PSDB Bruno Covas (PSDB) era vice-prefeito de São Paulo na gestão Doria (PSDB). Assumiu o cargo depois de o colega ir para o governo do Estado. Agora, tentará se manter no comando da maior cidade do paísPatrícia Cruz/PSDB – 12.set.2020 Levantamento do Poder360 mostra que 13 prefeitos de capitais tentarão se manter no cargo nas eleições de 2020, incluindo os mandatários das 3 cidades com mais eleitores: São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Um desistiu de concorrer. Outros 12 estão no 2º mandato e não podem disputar a reeleição. Em 2016, data do último grande pleito municipal, 20 prefeitos tentaram a reeleição em capitais –15 conseguiram. Apenas 5 perderam a disputa. Os tucanos têm 5 prefeitos que disputarão a reeleição. O PSD aparece em seguida, com 3 nomes. Essas capitais têm 21,3 milhões de eleitores (14% do eleitorado brasileiro). O levantamento deste post considera os dados até esta 4ª feria (16.set). Os partidos têm até 26 de setembro para oficializar as candidaturas, o que pode fazer com que os números mudem até essa data. Alguns já desistiram da disputa. É o caso Iris Rezende (MDB), em Goiânia. Ele já venceu 4 vezes a eleição da capital de Goiás. Anunciou no fim de agosto que deixará a vida política. 4 – CALENDÁRIO ELEITORAL O Brasil tem 5.570 cidades. Mas apenas 5.568 vão eleger prefeitos e vereadores em novembro de 2020. Brasília (capital federal) e Fernando de Noronha (PE) não têm prefeitos. O 1º turno será em 15 de novembro e o 2º turno no dia 29 do mesmo mês. As datas originais eram 4 de outubro e 25 de outubro, mas foram postergadas por causa da pandemia. Saiba como ficou o calendário eleitoral: 5 – GOVERNO Bolsonaro diz que vai ‘enterrar’ inquérito no STF e acabar com ‘farsa’ de Moro Quer direito de depor por escrito; Sobre suposta interferência na PF; Responderia perguntas de advogados; E ao próprio ex-ministro da Justiça O presidente Jair Bolsonaro ao lado do presidente da Caixa, Pedro Guimarães em live nesta 5ª (17.set)Reprodução/YouTubeJair Bolsonaro – 17.set.2020 O presidente Jair Bolsonaro comemorou nesta 5ª feira (17.set.2020) a decisão do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Marco Aurélio de suspender seu depoimento à Polícia Federal. Bolsonaro é investigado no caso que apura se houve interferência indevida na PF, denunciada pelo ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro. O ministro Celso de Mello é quem conduz o caso de fato, mas está em licença médica. Seguindo o regimento do Supremo, Marco Aurélio foi quem assumiu o caso, por enquanto. O magistrado mandou adiar a oitiva até que o plenário do Supremo julgue o recurso da AGU (Advocacia Geral da União) para dar sequência ao processo. Durante a live semanal, Bolsonaro reclamou que o ministro Celso de Mello queria que ele fosse ouvido presencialmente e ainda que fosse questionado pelos advogados de Moro e o próprio ex-ministro do governo. “O Moro tem que perguntar nada para mim. Ele tem que dizer: ‘olha, você, ou vossa excelência, ou o senhor, interferiu aqui, fez isso, fez aquilo…’ porque isso daí a gente rebate rapidamente. Olha, 30 dias antes de ir embora ele deu uma entrevista dizendo que eu nunca havia interferido na Polícia Federal”. Bolsonaro também cobrou tratamento igual ao de outros presidentes  da República que tiveram de prestar depoimento. “O ministro Marco Aurélio deu uma liminar suspendendo tudo desse inquérito até que meu pedido de ser ouvido por escrito, como já aconteceu no passado com presidentes que me antecederam, valesse para mim também. Tem que valer para todo mundo”. O presidente acrescentou: “O pleno do Supremo vai decidir […]. Se Deus quiser, a gente enterra logo esse processo e acaba com essa farsa desse ex-ministro da Justiça de me acusar de forma leviana. É uma brincadeira”.   As 5 mais da CNN   1 – Supremo Tribunal Federal O inquérito que apura a suposta interferência do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na Polícia Federal foi suspenso nesta quinta (17) pelo ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF). A investigação só será retomada depois que o plenário da Corte analisar um recurso da Advocacia-Geral da União (AGU), que defende que Bolsonaro tem direito de agendar o próprio depoimento ou apresentar manifestação por escrito. Enquanto o STF não retoma o inquérito, interlocutores do presidente e do ex-ministro da Justiça Sergio Moro já começam a delinear as estratégias para a oitiva, segundo o âncora Caio Junqueira. Veja o que cada um dos lados está preparando. 2 – IMPEACHMENT DE GOVERNADORES A Comissão Especial que avalia o impeachment do governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), decidiu, nesta quinta-feira (17), dar sequência ao processo. A decisão foi unânime (24 a 0). Para reverter o curso do processo, Witzel aposta em discursar no plenário da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro na semana que vem. A defesa também apresentou nesta semana uma ação no STF para que a Corte determine o imediato retorno de Witzel ao cargo. A vice-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Rosa Weber, é quem irá analisar o caso. Também nesta quinta-feira (17), a Assembleia Legislativa de Santa Catarina abriu processo de impeachment contra o governador Carlos Moisés (PSL) e a vice-governadora Daniela Reinehr (sem partido). Eles são acusados de crime de responsabilidade por aumentos aos procuradores do estado sem autorização da Assembleia. Entenda o caso. 3 – CLOROQUINA A Procuradoria-Geral da República (PGR) decidiu instaurar um procedimento para apurar a suposta prática de crimes de responsabilidade pelos ministros da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, e da Saúde, Eduardo Pazuello, por terem aplicado recursos públicos na produção de cloroquina, remédio sem comprovação científica no tratamento da Covid-19. A ação foi instaurada um dia depois de a CNN ter revelado que o Exército só contestou uma alta de 167% no valor do insumo para produção do remédio dois meses depois de a compra já ter sido feita. 4 – COVID 19 O governo pediu mais 30 dias para decidir se entrará ou não no Covax, o consórcio criado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para garantir o acesso a vacinas contra a Covid-19, informou o âncora Kenzô Machida. Travas na legislação brasileira seriam o motivo para a prorrogação da decisão — entenda. Segundo um relatório da Oxfam, organização internacional sem fins lucrativos que luta contra a pobreza, os países mais ricos do mundo compraram mais da metade do suprimento esperado de vacina contra o novo coronavírus. Nesta quinta-feira (17), o mundo ultrapassou 30 milhões de casos da Covid-19, de acordo com dados da universidade americana Johns Hopkins. A marca ocorre nove meses após os primeiros casos serem detectados na cidade de Wuhan, na China. Veja como foi a progressão de casos. 5 – AULAS EM SÃO PAULO O âncora Caio Junqueira teve acesso aos anexos da colaboração premiada do ex-presidente da Fecomércio-RJ Orlando Diniz que foram rejeitados pela Procuradoria-Geral da República (PGR). Os anexos 6 e 9 citam diretamente um ex-presidente da República, um ex-ministro de Estado, oito dos nove ministros do Tribunal de Contas da União, um deputado federal, um ex-deputado federal, além de advogados que acabaram não sendo alvo da operação E$quema S, deflagrada nesta quarta-feira. Leia os principais trechos dos anexos e a íntegra deles. MUNDO Índia volta a bater recorde global de casos de Covid-19Veja os números.Bolsonaro contesta pena maior para maus-tratos a animaisPresidente afirma que fará enquete sobre o assunto.Embaixador vê ‘agressão’ à Palestina em acordo de Israel e Emirados ÁrabesAssista no CNN Mundo.EUA mudam regras para voos do exterior e flexibilizam triagem de brasileirosEntenda. 70%do parque com o maior número de onças-pintadas no mundo foi destruído pelo fogo no Pantanal. Este é o pior mês de setembro em queimadas na região nos últimos 22 anos. DA SEMANA – BOLSONARO O ministro relator Celso de Mello queria que eu depusesse de forma presencial respondendo pergunta de dois advogados do Moro e do próprio Sergio Moro. O Moro não tem que perguntar nada pra mim. Ele tem que dizer ‘o senhor interferiu aqui, fez isso, fez aquilo’, porque isso a gente rebate rapidamente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre depoimento no inquérito que apura suposta interferência do presidente na Polícia Federal, aberto a partir de acusações do ex-ministro Sergio Moro. Edição com informações da CNN e Poder 360 selecionadas pelo jornalista Milton Atanazio de Foco na Política www.abracambrasil.org.br www.abracambrasil.org.br   E mais... Vídeos, Fotos e Links... Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA

Sexta-feira, 18 de setembro – RESUMO DO DIA- ABRACAM NOTÍCIAS

Boa noite! Aqui estão as notícias para você terminar o dia bem-informado, escolhidos pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília Avião com Bolsonaro arremete em Mato Grosso por causa da fumaça de queimadas no Pantanal. O governo convoca médicos peritos de agências do INSS para retorno imediato ao trabalho. No Brasil e ao lado de Ernesto Araújo, secretário de Trump diz que vai tirar Maduro da Venezuela. E tem aniversariante especial: a televisão brasileira completa 70 anos. Voo com Bolsonaro arremete A fumaça dos incêndios no Pantanal atrapalhou a aterrissagem do avião de Jair Bolsonaro no aeroporto de Sinop, em Mato Grosso, nesta sexta. O piloto precisou arremeter por falta de visibilidade. O presidente minimizou o impacto das chamas. Ele disse que há ‘alguns focos de incêndio pelo Brasil’ e que ‘isso acontece ao longo dos anos’. O bioma brasileiro enfrenta uma onda recorde de queimadas, e a fumaça já chegou a outras regiões do país. Conversinha mole de ficar em casa é para os fracos, diz Bolsonaro WWW.ABRACAMBRASIL.ORG.BR Também nesta sexta, depois de ter tido acesso a um novo relatório sobre desmatamento no Brasil, o governo da França reiterou oposição ao acordo comercial entre União Europeia e Mercosul. O vice-presidente Hamilton Mourão reagiu, e afirmou que a Guiana Francesa — departamento ultramarino que a França possui na América do Sul — também tem registros de desmatamento e mineração ilegal. NATUZA NERY: ‘Governo está mais preocupado com guerra de comunicação’ VALDO CRUZ: ‘O presidente sentiu na própria pele os efeitos das queimadas’ Pantanal, Amazônia, Califórnia, Austrália: incêndios florestais se alastram Secretário de Trump Em visita ao Brasil, o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, fez críticas ao presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, e afirmou: ‘Vamos tirá-lo de lá’. O americano se encontrou com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, em Boa Vista (RR). É o terceiro país que faz fronteira com a Venezuela que Pompeo visita. Ele esteve nas instalações da Operação Acolhida, força-tarefa humanitária que coordena abrigos e processos de interiorização de venezuelanos que entram no Brasil por Roraima. Para o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, a visita do secretário de Trump no local às vésperas da eleição presidencial nos Estados Unidos não ‘condiz com a boa prática diplomática internacional’ e ‘afronta as políticas brasileiras externa e de defesa’. SANDRA COHEN: a visita estratégica de Pompeo a Roraima Moro intimado Sergio Moro, ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, foi intimado pela Polícia Federal a depor como testemunha no inquérito aberto no Supremo Tribunal Federal sobre atos antidemocráticos. O inquérito, que tramita em segredo de Justiça, apura a organização e o financiamento de manifestações que defenderam o fechamento do Congresso Nacional e do STF. Na quinta, o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) prestou depoimento e disse que não tem qualquer relação com a criação ou a divulgação de conteúdos antidemocráticos. E também negou que use robôs para impulsionar a divulgação de informações em redes sociais. Aniversariante do dia 🎂 Televisão completa 70 anos no Brasil em 18 de setembro — Foto: Arte/G1 A televisão completa 70 anos no Brasil nesta sexta. Em 18 de setembro de 1950, a mensagem ‘Boa noite. Está no ar a televisão do Brasil’ anunciava a primeira transmissão brasileira, pela TV Tupi. 70 fotos dos 70 anos da TV no Brasil Tudo começou com a imagem em preto e branco, e trouxe entretenimento, novelas, música e jornalismo. Uma infinidade de histórias que seguem evoluindo. O G1 preparou uma lista para relembrar as inovações da TV ao longo dessas sete décadas. VÍDEOS: o homem na Lua e mais cenas marcantes da TV Navegue pelas 7 décadas da TV e reveja grandes momentos Globo Repórter vai contar trajetória da telinha em 2 programas ‘Aqui morreu Odete’: estúdio onde cena foi gravada virou redação do JN Queda de braço O Brasil tem mais de 1,5 milhão de pessoas na fila do INSS, e mais da metade precisam de perícia para regularizar o benefício. Nesta sexta, o governo convocou os peritos para retorno imediato ao trabalho. ‘Quem não voltar estará sujeito às legislações funcionais’, disse o secretário especial de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco, em entrevista à GloboNews. Já a Associação Nacional dos Médicos Peritos afirmou que fará inspeções por conta própria nas agências consideradas aptas pelo instituto a partir da próxima segunda (21). ‘Não é questão política, é sanitária’, declarou o presidente da ANMP. Dados da Covid Nas últimas 24 horas, o Brasil registrou 826 vítimas da Covid, e agora o total chega a 135.857. Com isso, a média móvel de novas mortes no país nos últimos 7 dias foi de 769, e segue em estabilidade. Dois estados apresentaram alta de óbitos: Rio de Janeiro e Pernambuco. Veja os dados do seu estado. Marcelo Álvaro Antônio, do Turismo, é o 9º ministro diagnosticado com Covid Teste de vacina americana no Brasil pode dobrar nº de voluntários Governo de SP mantém plano de volta às aulas no dia 7; cada prefeito decide Prefeitura do Rio libera torcida nos estádios; 1° jogo será no dia 4 Flordelis monitorada A deputada federal Flordelis (PSD-RJ) terá que usar tornozeleira eletrônica e ficar em recolhimento domiciliar das 23h às 6h por determinação da Justiça do Rio de Janeiro. Flordelis e os filhos são réus em processo sobre a morte do marido dela, pastor Anderson do Carmo, assassinado em junho de 2019. A deputada é acusada de ser a mandante do crime, mas não pode ser presa em razão de sua imunidade parlamentar. Guedes condenado O ministro da Economia, Paulo Guedes, foi condenado pela Justiça Federal a pagar R$ 50 mil ao Sindicato dos Policiais Federais da Bahia por comparar funcionários públicos a ‘parasitas’. A declaração do ministro foi em fevereiro, quando comentou as reformas administrativas pretendidas pelo governo federal. Em nota, a Advocacia-Geral da União (AGU) afirmou que vai apresentar o recurso cabível. Seus dados A Lei Geral de Proteção de Dados — que tem como objetivo proteger a privacidade e criar regras para a utilização de informações pessoais por empresas públicas e privadas — entrou em vigor nesta sexta. Mesmo com a vigência da LGPD, as penalidades pelo descumprimento só passarão a ser aplicadas em agosto de 2021. Afinal, o que muda para o cidadão? O G1 ouviu especialistas para responder as questões mais importantes sobre a nova lei; veja aqui. Conteúdo revisado Anitta e Luísa Sonza criticaram significado das palavras “patroa” e “mulher-solteira” que apareciam no Google — Foto: Reprodução/Instagram/Twitter ‘Mulher do patrão’ ou ‘dona de casa’ eram os significados da palavra ‘patroa’ no Google. E a busca por ‘mulher solteira’ resultava em termos como ‘prostituta, meretriz’. As cantoras Anitta e Luísa Sonza foram às redes sociais reclamar e a empresa mudou as definições. Segundo o Google, o conteúdo é fornecido pela Oxford Languages. O dicionário considerou que, do modo que estavam, os termos ‘não refletiam mais o uso moderno da língua portuguesa falada pelos brasileiros’. Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil www.abracambrasil.org.br E mais... Vídeos, Fotos e Links... Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br

18 de setembro, sexta-feira – DESTAQUES DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, selecionados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília Os processos de impeachment avançaram em Santa Catarina e no Rio de Janeiro. Já o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, se livrou de mais um pedido. O depoimento de Jair Bolsonaro no caso de suposta interferência na PF está “congelado” até o STF decidir a próxima etapa. O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, chega a Boa Vista. Os 70 anos da TV no Brasil e as lives de hoje. www.abracambrasil.org.br Processos de impeachment em SC e no RJ Os deputados estaduais de Santa Catarina votaram pelo prosseguimento do processo de impeachment contra Carlos Moisés da Silva (PSL). Foram 33 votos a favor, seis contra e uma abstenção. O governador não foi afastado, pois ainda há outros passos no processo. No Rio de Janeiro, comissão especial aprovou, por unanimidade, pela sequência do processo de impeachment de Wilson Witzel (PSC). O placar final foi de 24 a 0. Witzel disse que recebeu “com tranquilidade” decisão, mas falou em “linchamento político” e acusação sem provas. Ele foi afastado do cargo pelo STJ, é investigado por suspeitas de corrupção em contratos públicos na área da saúde. O governador nega. Ainda no Rio, a Câmara de Vereadores rejeitou, mais uma vez, um pedido de abertura de processo de impeachment contra o prefeito Marcelo Crivella (Republicanos). Foram 24 votos a 20. O pedido foi protocolado pelo PSOL com base na Operação Hades, que investiga um suposto “QG da Propina” na administração municipal. Depoimento de Bolsonaro O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello suspendeu a tramitação do inquérito que avalia se Jair Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal e decidiu também que caberá ao plenário definir se o presidente pode enviar depoimento por escrito ou, se preferir, escolher o melhor dia para ser ouvido. A data do julgamento ainda será definida. A investigação aberta em maio tem como base acusações do ex-ministro da Justiça Sergio Moro. Eleições 2020 As 26 capitais do país têm, ao todo, 311 candidatos às prefeituras aprovados em convenções para a disputa das eleições deste ano. Número total, que ainda pode sofrer alterações com o registro final na Justiça Eleitoral, deve ser o maior em pelo menos 20 anos. Veja quem concorre a prefeito nas eleições deste ano Números na pandemia O Brasil tem 135.066 mortes e 4.457.569 casos confirmados de Covid-19, aponta balanço do consórcio de veículos de imprensa. A média móvel de novos óbitos nos últimos 7 dias foi de 779, uma variação de -9% em relação aos dados registrados em 14 dias. As mortes estão em queda em 13 estados e no Distrito Federal e em alta em dois estados. MÉDIA MÓVEL: veja como estão os casos e mortes no seu estado PANDEMIA NAS CIDADES: consulte casos e mortes por município Mundo chega a 30 milhões de casos Auxílio emergencial A Caixa Econômica Federal (CEF) paga mais uma parcela do auxílio emergencial a 5,6 milhões de trabalhadores. Para o público do Bolsa Família, a parcela paga já é a primeira de R$ 300. Para os demais, seguem os pagamentos de R$ 600, e a ajuda será creditada. Veja como serão os pagamentos de R$ 300 e tire dúvidas Veja o calendário Tira dúvidas Mike Pompeo em Boa Vista O secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo — Foto: Yuri Gripas / Reuters O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, chega a Boa Vista hoje para discutir a imigração de venezuelanos. Ele se encontrará com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, irá ao Posto de Identificação e Triagem da Operação Acolhida, e, mais tarde, visitará a Paróquia de Nossa Senhora da Consolata. No final da tarde, seguirá para Bogotá, onde se encontra com o presidente colombiano, Ivan Duque. SANDRA COHEN: Visita estratégica mira eleitores da Flórida Animais mortos no Pantanal Jacaré queimado no Pantanal — Foto: Força Tarefa Pantanal/Divulgação Diferentes representantes de órgãos públicos do meio ambiente, universidades, organizações não-governamentais e voluntários se uniram em uma força-tarefa para fazer uma estimativa do número de animais mortos pelas queimadas no Pantanal, que já consumiram mais de 2,9 milhões de hectares na região. As ações em campo começaram há 10 dias, primeiro em Mato Grosso, e, nesta semana, em Mato Grosso do Sul. Preço do algodão em alta Safra de algodão nas lavouras do Maranhão — Foto: Reprodução / TV Mirante Acompanhando a alta de diversos produtos do campo, em especial os alimentos, o algodão se valorizou nos últimos meses. A pluma, que é um dos principais itens da indústria de roupas, chegou a valorizar cerca de 20% no fim de agosto. Isso gera preocupações de que, além da alimentação, as roupas fiquem mais caras. Saiba por que o algodão é o ‘boi vegetal’ Peru: Covid e instabilidade política O Assunto debate hoje o Peru, que vive a mais grave crise sanitária da história do país e um ambiente de turbulência política. O presidente Martín Vizcarra enfrenta o Congresso em votação pelo seu impeachment. Neste episódio, Renata Lo Prete conversa com o cientista político português Luís Nunes, que vive em Lima há duas décadas, e Fátima Marinho, epidemiologista da Vital Strategies, organização que auxilia 63 países no combate à pandemia. 70 anos da TV no Brasil — Foto: TV Globo A televisão completa 70 anos no Brasil. O G1 preparou uma lista com algumas vezes que a TV inovou em estilo, tecnologia e programação: da primeira novela ao primeiro reality show, da primeira vez que a imagem chegou colorida na casa dos brasileiros ao primeiro beijo entre dois homens no horário nobre. O fenômeno lançou manias e paixões nacionais. Veja 70 FOTOS coloridas e em preto e branco que contam história da TV no país e VÍDEOS de reportagens e especiais sobre a televisão brasileira. O Globo Repórter vai contar a trajetória da telinha. Serão dois programas. As sete décadas começam a ser relembradas esta noite. Especialistas escolhem programas e novelas que marcaram a história Veja 10 curiosidades de novelas clássicas que estão de volta Lives de hoje Frank Aguiar, João Suplicy e Sheryl Crow fazem lives nesta sexta-feira (18) — Foto: Divulgação / Amanda Perobelli-Estadão Conteúdo/Arquivo / Kevin Winter/Getty Images North America/Getty Images via AFP/Arquivo Sheryl Crow faz dois shows online neste final de semana e o desta sexta-feira é em formato elétrico. Frank Aguiar, João Suplicy e a dupla Lucas e Felipe também fazem parte da programação. Veja a lista completa com horários das lives de hoje. ‘Me chama que eu vou’, documentário sobre Sidney Magal, lança 1º trailer Mega-Sena A principal faixa de premiação do concurso 2.300 da Mega-Sena não teve ganhador. O prêmio acumulou e deve ir a R$ 36 milhões no sábado. As dezenas sorteadas: 09 – 21 – 37 – 39 – 43 – 54. A quina teve 76 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 29.541,74 A quadra teve 3.877 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 827,28 Curtas e rápidas: Mais de 76 mil pessoas foram atendidas com depressão no Paraná em 2019, diz Ministério da Saúde G1 jogou: ‘Super Mario 3D All-Stars’ é bela homenagem de 35 anos do herói, mas game podia ser melhor 15 empresas de tecnologia abrem vagas de emprego; veja lista Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil www.abracambrasil.org.br   E mais... Vídeos, Fotos e Links... Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br
Marco Aurélio decidiu também que caberá ao plenário do STF definir se Bolsonaro pode enviar depoimento por escrito ou, se preferir, escolher o melhor dia para ser ouvido.

Quinta-feira, 17 de setembro – RESUMO DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Boa noite! Aqui estão as notícias para você terminar o dia bem-informado, escolhidos pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília. Ministro Marco Aurélio suspende o inquérito que apura suposta interferência de Bolsonaro na PF até que o plenário do STF decida se o presidente deve depor pessoalmente. O procurador-geral, Augusto Aras, é a 6ª autoridade a confirmar Covid após a posse de Luiz Fux no Supremo. Em 16 dias, queimadas no Pantanal batem recorde para todo o mês de setembro. Enquanto isso, o presidente diz que o Brasil ‘está de parabéns’ por preservar o meio ambiente. E a fome avança no país. Presidente investigado O ministro Marco Aurélio Mello, do STF, suspendeu o inquérito que apura se Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal. A medida vale até que o plenário do Supremo decida se o presidente deve prestar depoimento presencialmente ou não. O presidente foi intimado ontem pela PF para ser ouvido na semana que vem, e o governo entrou com recurso pedindo que as perguntas fossem feitas por escrito. O recurso da AGU foi analisado por Marco Aurélio porque o relator do caso, Celso de Mello, está de licença até o dia 26. A investigação aberta em maio tem como base acusações do ex-ministro da Justiça Sergio Moro. O presidente nega ingerência na PF. Impeachment no RJ Por unanimidade, a comissão da Assembleia Legislativa do RJ aprovou o parecer pela continuidade do processo de impeachment do governador afastado Wilson Witzel (PSC). Ele é investigado por suspeitas de corrupção em contratos públicos na saúde. Nas redes sociais, Witzel disse que que sofre ‘linchamento político’ e que recebe a decisão da Alerj ‘com respeito e tranquilidade. EDIMILSON ÁVILA: ‘Witzel mostrou que não entende nada do jogo político’ Já o prefeito Marcelo Crivella escapou mais uma vez da abertura de processo contra ele, na Câmara do Rio. Por 24 a 20, os vereadores negaram o pedido de impeachment baseado nas investigações sobre o ‘QG da Propina’, um esquema de corrupção que, segundo o Ministério Público, Crivella protagoniza. Chamas avançam O Pantanal tem o maior número de queimadas da história para um mês de setembro. Foram 5.603 focos de incêndio detectados em apenas 16 dias, contra 5.498 registrados no mês inteiro de setembro em 2007, que era o recorde anterior, segundo o Inpe. Em meio a dados impressionantes da situação das queimadas, Bolsonaro disse hoje que o Brasil ‘está de parabéns’ pela forma como preserva o meio ambiente. Um relatório do Observatório do Clima aponta que nem 1% da verba destinada à preservação foi usada neste ano. 6 fatores que tornam incêndios no Pantanal difíceis de serem controlados Coronavírus no poder O procurador-geral da República, Augusto Aras, é a 6ª autoridade a contrair a Covid-19 após a posse do novo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, na semana passada. Antes dele, tiveram exames que confirmaram a infecção o próprio Fux, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), a presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Maria Cristina Peduzzi, e os ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Luís Felipe Salomão e Antonio Saldanha Palheiro. A assessoria da PGR informou que Aras ‘passa bem e está em isolamento, despachando remotamente’. Panorama da Covid O mundo chegou à marca de 30 milhões de casos confirmados do novo coronavírus, segundo o monitoramento da Universidade Johns Hopkins, dos EUA. No Brasil, são mais de 4,4 milhões de diagnósticos de Covid-19, e o número de mortes passa de 135 mil. Nas últimas 24 horas, o país registrou 857 óbitos. Veja os dados detalhados por estado e município. Prefeitura de SP libera atividades de reforço nas escolas em outubro Contágio na Europa está mais rápido do que no início da pandemia, alerta OMS Fome no Brasil Em 5 anos, o país registrou mais três milhões de de pessoas em situação de fome. Segundo o IBGE, cerca de 10,3 milhões de brasileiros vivem nessa condição. De acordo com a pesquisa, 63,3% dos domicílios têm a chamada segurança alimentar — acesso pleno e regular aos alimentos de qualidade — em quantidade suficiente, sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais. Esse é o menor patamar em 15 anos. O levantamento foi feito entre junho de 2017 e julho de 2018. Gasto com arroz é maior nos lares com menos acesso a comida Cemitério de carros Carros aparecem em lago de pedreira em Salto de Pirapora — Foto: Germano Schonfelder/Arquivo Pessoal A Polícia Civil investiga se os 15 carros encontrados no lago de uma antiga pedreira em Salto de Pirapora (SP) foram desovados no local para dar golpe em seguradoras. Os veículos, que ainda vão passar por perícia, foram descobertos após o nível da água diminuir por conta da estiagem e da captação para abastecimento de três cidades da região. Veja fotos. Mundinho Now United Now United — Foto: Editoria de Arte/G1 O Now United tem um número de integrantes maior do que a idade de grande parte de seus fãs. Quem não conhece o som do grupo formado por 15 cantores de 15 países diferentes, das Filipinas à Finlândia, precisa bater um papo com um primo ou sobrinha de 12, 13 anos… O G1 explica o “mundinho Now United” com podcast, textos, vídeos e artes para decifrar os sons, os movimentos e os números por trás do grupo. Confira o especial.   www.abracambrasil.org.br Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil E mais... Vídeos, Fotos e Links... Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br

17 de setembro, quinta-feira - DESTAQUES DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, escolhidos pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília. Pedidos de impeachment no Rio de Janeiro miram Wilson Witzel na Assembleia Legislativa e Marcelo Crivella na Câmara Municipal. Depoimento de Jair Bolsonaro na investigação sobre interferência ou não na Polícia Federal está marcada para este mês, mas ele recorreu. E seus filhos Carlos e Eduardo foram intimados a depor, como testemunhas, no inquérito que apura atos contra a democracia. A mata brasileira segue queimando, apesar de um alerta europeu. E vem aí mais uma chuva preta. A primeira das 4 parcelas de R$ 300 do auxílio emergencial. E a Mega-Sena está em R$ 32 milhões. Pedidos de impeachment no Rio Wilson Witzel e Marcelo Crivella — Foto: Reprodução / TV Globo Pedidos de impeachment estão em pauta na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) e na Câmara dos Vereadores do Rio. Os processos são diferentes e não têm relação entre si. O impeachment do governador afastado Wilson Witzel (PSC) já foi aberto e está mais avançado: nesta quinta, comissão decide se aprova o parecer que pede a continuidade do processo. Witzel foi afastado do cargo por decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) após a Operação Tris In Idem, que investiga desvios em recursos da saúde do Rio. Entenda investigação que afastou Witzel do governo O pedido de impedimento do prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republicanos), ainda depende de aprovação no Parlamento Municipal para ser aberto e será votado pelos vereadores nesta quinta. As suspeitas partiram de investigação do Ministério Público sobre um suposto “QG da Propina” na prefeitura. No início do mês, um outro pedido foi arquivado sobre o caso conhecido como “Guardiões do Crivella”. Entenda a investigação do suposto ‘QG da Propina www.abracambrasil.org.br Depoimento de Bolsonaro A Advocacia-Geral da União (AGU) recorreu da decisão do ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), que determinou que o presidente Jair Bolsonaro preste depoimento presencial no inquérito que apura se houve interferência na Polícia Federal (PF). Bolsonaro já foi intimado a depor, e a AGU quer que o depoimento possa ser por escrito. O depoimento vai ocorrer entre os dias 21, 22 e 23 de setembro. Depoimentos dos filhos do presidente A PF intimou o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) e o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) a depor como testemunhas no inquérito que apura a realização de atos antidemocráticos. O inquérito é sigiloso e não foram divulgados a data dos depoimentos nem detalhes sobre os motivos para que os filhos do presidente Jair Bolsonaro sejam ouvidos no processo. Fogo no Pantanal imagens de satélites mostram o avanço das queimadas em áreas de preservação em Mato Grosso Imagens de satélites mostram o avanço das queimadas em áreas de preservação em Mato Grosso. Segundo estimativa do Ibama, o Pantanal já teve 20% da área atingida por queimadas neste ano. Isso equivale a dez vezes as cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte juntas. Veja no vídeo acima. Desmatamento e o alerta europeu E os países europeus que disseram que o aumento do desmatamento dificulta compras de produtos do Brasil foram responsáveis por cerca de 10% do que o agronegócio brasileiro faturou com exportações neste ano, de janeiro a agosto. Alemanha, Dinamarca, França, Itália, Holanda, Noruega, Reino Unido e Bélgica, que assinaram carta criticando “altas taxas” de “desflorestamento”, compraram US$ 6,77 bilhões em produtos agropecuários do Brasil no período, o equivalente a 9,71% do que o setor vendeu ao exterior (US$ 69,6 bilhões). Chuva preta A cidade de São Paulo pode ser alvo de uma “chuva preta” entre esta sexta-feira e domingo. O fenômeno ocorre quando o vento traz a fumaça das queimadas e incêndios florestais até uma área onde existem nuvens de chuva. Além do estado de São Paulo, é possível que a camada de fumaça encubra áreas do centro-sul do Rio de Janeiro, incluindo a capital, e do centro-sul de Minas Gerais. No último final de semana, a chuva de coloração escura ocorreu em regiões do Rio Grande do Sul. E mais: Meio Ambiente gastou menos de 1% da verba para preservação, diz relatório Senado instala comissão para acompanhar ações de combate a incêndios no Pantanal Especialistas rebatem argumento de Salles sobre falta de ‘fogo frio’ 5 fazendeiros são investigados por incêndios no Pantana Bombeiros registram quase 13 mil focos de incêndios florestais de janeiro a agosto deste ano em MG INSS: população à espera O INSS promete perícias nesta quinta, mas médicos dizem que chance é zero. ENTENDA por que o instituto e os peritos travam queda de braço. Auxílio emergencial Os beneficiários do programa Bolsa Família começam a receber a partir desta quinta-feira a primeira das 4 parcelas de R$ 300 do auxílio emergencial. Os primeiros a receber são aqueles cujo número final do NIS é 1. Entenda, porém, que nem todos terão direito a esse benefício. Veja o calendário e tire dúvidas. Números da Covid O país registrou 967 mortes pela Covid-19 e passou dos 134 mil óbitos. A média móvel de novas mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 789. São 4.421.686 de brasileiros contaminados pelo novo coronavírus. MÉDIA MÓVEL: veja como estão os casos e mortes no seu estado PANDEMIA NAS CIDADES: consulte casos e mortes por município Estudo aponta desaceleração do contágio no país As idas e vindas do Renda Brasil O Assunto debate sobre o Renda Brasil, que voltou para a prancheta. O presidente quer criar um novo programa, mas ainda estuda como buscar recursos. Mega-Sena O concurso 2.300 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 32 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h na cidade de São Paulo. Curtas e Rápidas: Para 96,7%, home office será diferencial na hora de escolher um emprego, diz pesquisa 10 empresas abrem mais de 1 mil vagas de emprego e estágio; veja lista De onde vem o que eu como: café é a 2ª bebida mais consumida no país e interesse por métodos de preparo cresceu na pandemia Menino estuda em cabana montada no meio da roça no PR Traficante Jhonny Bravo lucra R$ 750 mil com transporte alternativo na Rocinha e no Vidigal Futebol Copa do Brasil 19 horas: Botafogo x Vasco Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil undefined 300w" alt="" class="wp-image-1602" style="margin: 0px; padding: 0px; border: 0px; font: inherit; vertical-align: bottom; max-width: 100%; height: auto;" />www.abracambrasil. www.abracambrasil.org.br E mais... Vídeos, Fotos e Links... Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br

Quarta-feira, 16 de setembro – RESUMO DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Boa noite! Aqui estão as notícias para você terminar o dia bem-informado, selecionados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília. Eduardo Pazuello toma posse no Ministério da Saúde, após quatro meses sem um titular à frente da pasta. Rodrigo Maia confirma diagnóstico e completa a lista: todos os chefes de poderes da República contraíram Covid. Fotos mostram o antes e depois dos incêndios devastadores no Pantanal. E o Senado instala uma comissão para acompanhar ações de combate às queimadas. 3º ministro da Saúde Posse de Pazuello como ministro da Saúde — Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil Foram quatro meses sem um titular à frente da pasta durante a pandemia. Mas nesta quarta-feira, Eduardo Pazuello foi efetivado como ministro da Saúde. O general é o terceiro a ocupar o cargo no governo Bolsonaro e já estava à frente do ministério desde a saída do médico Nelson Teich. A cerimônia aconteceu no Palácio do Planalto, com a presença de autoridades. Depois de ser empossado, Pazuello disse que a previsão é de que um programa nacional de vacinação contra o coronavírus deve começar a partir de janeiro. Na posse do ministro, Bolsonaro exibe remédio sem comprovação contra Covid www.abracambrasil.org.br Coronavírus no poder Com o diagnóstico positivo de Rodrigo Maia nesta quarta, todos os chefes de poderes da República contraíram a Covid-19. O presidente da Câmara disse que sentiu a temperatura do corpo mais alta nos últimos dias e que teve uma leve indisposição. O presidente da República, Jair Bolsonaro, e o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), tiveram a doença e se recuperaram. Já o presidente recém-empossado do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, recebeu o diagnóstico na segunda (14) e cumpre isolamento no Rio de Janeiro. Presidente do TST é internada e testa positivo; ela foi à posse de Fux Panorama da pandemia O número de mortes por coronavírus no Brasil segue em estabilidade pelo terceiro dia seguido. Nas últimas 24 horas, o país registrou 967 óbitos, chegando ao total de 134.174. Nesta quarta, a média móvel de casos da doença teve uma queda de 21%. O país contabiliza mais de 4,4 milhões de pessoas infectadas pelo vírus. Oxford diz que doença que pausou testes pode não ter relação com a vacina Cientistas manifestam preocupação com estudos da vacina russa Sem corte 2% ao ano. O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) decidiu, nesta quarta, pela manutenção da taxa básica de juros da economia brasileira. A decisão interrompe uma sequência de nove cortes seguidos. Essa manutenção da Selic, que já está na mínima histórica, ocorre em meio à alta no preço dos alimentos. Cenário devastador Fotos mostram antes e depois da Rodovia Transpantaneira ser atingida pelos incêndios no Pantanal de MT — Foto: Drone Cuiabá/Divulgação O Senado instalou uma comissão externa para acompanhar as ações de combate aos incêndios no Pantanal, que já destruíram mais de 2 milhões de hectares na região. Também nesta quarta, o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, assinou a liberação de R$ 10,1 milhões para apoiar o Mato Grosso no combate. Fotos feitas antes e depois das queimadas mostram a devastação no entorno da Rodovia Transpantaneira. Os animais vêm sofrendo com o avanço das chamas. No Parque Estadual Encontro das Águas, maior refúgio de onças-pintadas no mundo, o fogo destruiu 85% de uma área de 108 mil hectares, segundo o Instituto Centro Vida (ICV). Em carta a Mourão, países europeus dizem que desmatamento dificulta compras de produtos do Brasil Cinco fazendeiros são investigados por incêndios no MS Monitor da violência Nos primeiros seis meses de 2020, 1.890 mulheres foram mortas de forma violenta no Brasil, um aumento de 2% em relação ao mesmo período de 2019, segundo levantamento feito pelo G1 com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal. Os casos de feminicídio também subiram. Em contrapartida, os registros de outros crimes relacionados à violência contra a mulher, como agressões e estupros, caíram no país. Veja os dados. Cerca de 75% das mulheres assassinadas no Brasil são negras Pandemia agrava desigualdade e deixa vítimas invisíveis Cirurgias irregulares Nos Estados Unidos, autoridades migratórias vão investigar uma denúncia sobre cirurgias irregulares em um centro de detenção de imigrantes no estado da Geórgia. Uma enfermeira que trabalha no local alega que mulheres detidas teriam sido submetidas a retiradas completas ou parciais de seus úteros sem o devido consentimento. Os responsáveis pelo centro negam acusação. Suspeita de propina na mochila Imagens mostram encontro do governador em exercício do RJ com empresário preso O Ministério Público investiga imagens do governador em exercício do Rio, Cláudio Castro, em um encontro, quando ele era vice-governador, com um empresário preso. A suspeita é que seja o registro do pagamento de propina, no valor de R$ 100 mil. Segundo o MP, a empresa tinha contratos milionários com o governo. Cláudio Castro nega. Movimentações atípicas A Procuradoria-Geral da República determinou a abertura de uma apuração preliminar sobre a movimentação de funcionários no gabinete de Jair Bolsonaro quando ele era deputado federal. A PGR vai avaliar se há elementos que indiquem alguma irregularidade nas movimentações salariais de assessores que trabalharam no escritório dele, entre 1991 e 2018. Em julho, uma reportagem da ‘Folha de S.Paulo’ mostrou que funcionários eram exonerados e recontratados no mesmo dia e tinham salários aumentados, o que não impedia que pouco tempo depois tivessem as remunerações reduzidas a menos de metade. Aras diz ao STF que Bolsonaro não cometeu crime ao ameaçar jornalista Carlos e Eduardo Bolsonaro são intimados a depor no inquérito sobre atos antidemocráticos Assunto proibido? Um dia após Jair Bolsonaro ter dito que não se falava mais em Renda Brasil até 2022, o relator do Orçamento da União para 2021 afirmou que foi autorizado pelo presidente a incluir despesas com um novo programa social em seu relatório. O senador Márcio Bittar (MDB-AC) teve uma reunião com Bolsonaro no Palácio do Planalto e falou com a imprensa. O governo não se manifestou. Ana Flor: novo programa social vai exigir ‘desengessar’ orçamento e repensar gastos O mundo ganhou mais uma pista na investigação científica por vida extraterrestre nesta semana. Cientistas anunciaram a descoberta de fosfina em Vênus — gás que pode indicar a presença de vida microbiana no planeta. No episódio #276, Renata Lo Prete conversa com Douglas Galante, astrobiólogo do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (Cnpem), e Marcelo Gleiser, físico e astrônomo. Boitatá e Breaking Bad: as curiosidades envolvendo o gás achado em Vênus www.abracambrasil.org.br E mais... Vídeos, Fotos e Links... Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br

16 de setembro, quarta-feira - DESTAQUES DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília. Aumenta o número de assassinatos de mulheres, enquanto outros crimes reduzem índices. Porém, especialistas alertam para possível subnotificação. O cartão vermelho de Jair Bolsonaro. INSS ainda sem perícia. Queimadas e desmatamentos em São Paulo, no Pantanal e na Amazônia. BC deve interromper o ciclo de cortes e manter juro básico em 2% ao ano. Eleições 2020: o último dia para convenções. Eduardo Pazuello vira ministro da Saúde. A adolescente de 15 anos que matou Isabele Guimarães foi internada. O Assunto: a busca por vida no espaço. E as rodadas do Brasileirão, da Copa do Brasil e da Libertadores. Saiba mais... Inscreva-se no www.abracambrasil.org.br Monitor da Violência O Brasil teve um aumento de 2% no número de mulheres assassinadas no primeiro semestre deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado. Os casos de feminicídios também subiram. Em contrapartida, os registros de outros crimes relacionados à violência contra a mulher, como agressões e estupros, caíram no país. É o que mostra um levantamento exclusivo feito pelo G1 com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal. Porém, especialistas apontam subnotificação durante pandemia. Mulheres negras são as principais vítimas de homicídios. Já as brancas compõem quase metade dos casos de lesão corporal e estupro. Mas mais de um terço dos estados não divulga raça, o que também pode indicar subnotificação. ANÁLISE – Núcleo de Estudos da Violência da USP: pandemia intensifica desigualdade ANÁLISE – Fórum Brasileiro de Segurança Pública: vidas das mulheres negras importam Cartão vermelho Integrantes do Palácio do Planalto e do próprio Ministério da Economia reconhecem que o "cartão vermelho" do presidente Jair Bolsonaro tem endereço certo: o secretário Especial de Fazenda, Waldery Rodrigues. Auxiliares consideram a permanência do secretário insustentável. A percepção é que faltou habilidade ao secretário ao divulgar estudos internos que ainda não tinham aval político. Em entrevista ao G1, no domingo (13), Waldery Rodrigues disse que a área econômica apoiava congelar os valores de aposentadorias e pensões para economizar dinheiro público e, com isso, viabilizar o programa Renda Brasil. INSS As perícias médicas para os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) vão continuar suspensas, em todo o país, pelo menos até hoje. Há uma queda de braços entre o órgão e médicos peritos. Isso, em meio à pandemia do novo coronavírus e restrição de atendimentos presenciais por quase seis meses. Enquanto os profissionais da saúde acusam o INSS de não terem feito as adaptações necessárias nas agências para receber os segurados, em ambiente que gera aglomeração e tem público em grande parte idoso, o órgão aponta que os peritos pedem melhorias que estariam além do escopo de prevenção da Covid-19. Queimadas São Paulo uIncêndio na Serra da Paulista, em Águas da Prata — Foto: Prefeitura de Águas da Prata Incêndios florestais em São Paulo mais do que dobram em 2020. Desde o começo do ano, os satélites registraram 4.214 focos em todo o estado, contra 2.015 no mesmo período de 2019 - de 1º de janeiro a 13 de setembro. O fogo atinge de maneira similar a mata atlântica e o cerrado. Na fuga, os animais invadem áreas urbanas e o nº de resgates também aumentou. Pantanal onça-pintada é vista em área recentemente queimada no Parque Estadual Encontro das Águas, no Pantanal — Foto: Andre Penner / AP Photo No Pantanal, o fogo já queimou 70% de santuário de onças-pintadas. E a seca e os incêndios afetam principais fontes de vida e as queimadas se espalham em áreas de preservação ambiental. Multas do Ibama despencam mesmo com recorde de queimadas Amazônia Os alertas de desmatamento subiram 68% em agosto de 2020 na comparação com o mesmo mês do ano passado, de acordo com dados do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon). O instituto afirma que é o pior mês de agosto verificado nos últimos 10 anos de monitoramento. Sem provas, Mourão diz que opositor no Inpe divulga dados negativos 'Jamais manipularia de dados', diz chefe da área que monitora queimadas Juros Em meio à alta dos alimentos, BC deve interromper o ciclo de cortes e manter juro básico em 2% ao ano. Essa é a expectativa da maior parte dos economistas do mercado financeiro. Mesmo antes da disparada recente dos preços dos alimentos, BC já indicava que manteria a taxa Selic estável. Eleições 2020 Acaba nesta quarta-feira o prazo para os partidos de todo o Brasil realizarem as convenções que vão definir as coligações e escolher os candidatos a prefeito e vereadores nas eleições municipais. O último dia para registro da candidatura será em 26 de setembro. Datas do calendário eleitoral Regras: o que os candidatos e os eleitores podem ou não fazer Toffoli arquiva inquéritos O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal, determinou o arquivamento de todos os inquéritos abertos no STF que tiveram como base a delação premiada do ex-governador do Rio Sérgio Cabral, preso desde 2016. A decisão atinge 12 novas frentes de investigação autorizadas pelo ministro Edson Fachin, que homologou a colaboração premiada assinada pelo político com a Polícia Federal. Desses 12 inquéritos, três já tinham sido arquivados em julho. Pazuello vira ministro O ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, será efetivado no cargo hoje pelo presidente Jair Bolsonaro. A posse está marcada para as 17h, no Palácio do Planalto. O general do Exército foi nomeado ministro interino em 3 de junho, embora já estivesse, na ocasião, ocupando o posto havia 20 dias, depois que o médico Nelson Teich — do qual era secretário-executivo — pediu demissão. Pandemia no Brasil O Brasil tem 133.217 mortes e 4.384.860 casos confirmados de Covid-19, aponta balanço do consórcio de veículos de imprensa. A média móvel de novos óbitos nos últimos 7 dias foi de 813 óbitos, uma variação de -7% em relação aos dados registrados em 14 dias. MÉDIA MÓVEL: veja como estão os casos e mortes no seu estado PANDEMIA NAS CIDADES: consulte casos e mortes por município Desacelerando? Estudo epidemiológico sobre coronavírus no Brasil revelou que a Covid-19 está desacelerando no país. Coordenada pelo Centro de Pesquisas Epidemiológicas da Universidade Federal de Pelotas (Ufpel), a pesquisa mostrou, em sua etapa mais recente, que o número de brasileiros com anticorpos do Sars-Cov-2 - e que, portanto, tiveram contato com o vírus - diminuiu com relação ao período anterior avaliado. Entenda a pesquisa. Estudo da UFMG aponta falta de ar e fraqueza muscular como sequelas de casos graves de Covid-19 Caso Isabele s/Isabele Guimarães Rosa, de 14 anos, morreu ao ser atingida por tiro na cabeça no condomínio Alphaville, em Cuiabá. — Foto: Instagram / Reprodução A adolescente de 15 anos que atirou em Isabele Guimarães Ramos, de 14 anos, se apresentou ontem na Delegacia Especializada do Adolescente. Isabele morreu com um tiro no rosto, no dia 12 de agosto deste ano. O disparo foi feito pela jovem, que, durante as investigações, alegou ter sido involuntário. 'Romance desapegado' "Romance desapegado", do Conde do Forró, bate 30 milhões no YouTube. Forró romântico contou com vídeo descontraído da vocalista Japinha, potencial de meme e sofrência para emplacar. Após sucesso, música foi regravada por Marcia Fellipe e está na mira de Safadão. O Assunto: a busca por vida no espaço Fosfina. A presença deste elemento no nosso vizinho mais próximo é a mais recente revelação astronômica com potencial de mudar nossa compreensão do universo. A partir de um pequeno sinal luminoso, emitido das nuvens de Vênus, cientistas encontraram o que pode ser atividade biológica a mais de 40 milhões de km da Terra. Ouça sobre o tema em O Assunto. Monsenhor Devellard Monsenhor José Roberto Devellard celebra a missa dos 94 anos do jornal 'O Globo' no último dia 29 de julho — Foto: Reprodução / TV Globo Morreu ontem no Rio o Monsenhor José Roberto Rodrigues Devellard, de 75 anos, informou a Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro. Primeiro-ministro japonês undefined:1700x1065/984x0/smart/filters:strip_icc()/i.s3.glbimg.com/v1/AUTH_59edd422c0c84a879bd37670ae4f538a/internal_photos/bs/2020/x/h/VbinZiRT6zJn1JB8xg2A/japao.jpg 984w, undefined:1700x1065/640x0/smart/filters:strip_icc()/i.s3.glbimg.com/v1/AUTH_59edd422c0c84a879bd37670ae4f538a/internal_photos/bs/2020/x/h/VbinZiRT6zJn1JB8xg2A/japao.jpg 640w, undefined:1700x1065/600x0/smart/filters:strip_icc()/i.s3.glbimg.com/v1/AUTH_59e Yoshihide Suga é aplaudido após ser eleito o novo primeiro-ministro do Japão — Foto: Koji Sasahara / AP Photo O Parlamento japonês nomeou Yoshihide Suga, de 71 anos, como o novo primeiro-ministro, substituindo Shinzo Abe, que renunciou por motivos de saúde após quase oito anos como chefe de governo. Suga, que era o chefe de gabinete de Abe e porta-voz do ministro, recebeu 314 dos 462 votos em uma sessão extraordinária da Câmara Baixa. Futebol Brasileirão 21h30: Corinthians x Bahia Libertadores 19h15: Internacional x América de Cali 21h30: Universidad Católica x Grêmio 21h30: Bolívar x Palmeiras Copa do Brasil 21h30: Fluminense x Atlético-GO Mega-Sena O sorteio do concurso 2.299 da Mega-Sena acumulou, e a previsão é que o próximo sorteio pague R$ 32 milhões na quinta-feira (17). Veja as dezenas sorteadas: 02 - 03 - 19 - 40 - 44 - 60 A quina teve 22 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 55.054,82. A quadra teve 1.903 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 909,24 Curtas e rápidas: Auxílio emergencial: Caixa paga nova parcela a 3,9 milhões de inscritos via app, site e Correios nascidos em junho Jeep Compass S: primeiras impressões 4 empresas abrem programas de trainee Saiba mais... www.abracambrasil.org.br Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil E mais... Vídeos, Fotos e Links... Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br  

Terça-feira, 15 de setembro - RESUMO DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Boa noite! Aqui estão as notícias para você terminar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília Após novo atrito com a equipe econômica, Bolsonaro diz que ‘está proibido’ falar em Renda Brasil e que o Bolsa Família vai continuar. Sem provas, Mourão diz que opositor do governo no Inpe divulga dados negativos sobre queimadas. E um estudo britânico aponta que a taxa de contágio da Covid no Brasil é de novo a menor desde abril. www.abracambrsil.org.br Renda Brasil enterrado O programa substituto do Bolsa Família virou um assunto proibido no governo. Foi o que afirmou o próprio Bolsonaro nesta terça. Após nova divergência com a equipe econômica, o presidente desistiu de lançar o Renda Brasil: ‘Vamos continuar com o Bolsa Família e ponto final’. Em entrevista ao G1 no domingo (13), o secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues, disse que a equipe econômica chegou a estudar o congelamento de benefícios como aposentadorias e pensões, o que o presidente chamou de ‘devaneios’. Hoje, Bolsonaro declarou que vai dar um ‘cartão vermelho’ a quem lhe apresentar propostas como essas. O ministro da Economia, Paulo Guedes, definiu como ‘barulheira’ as discordâncias entre Bolsonaro e integrantes da pasta, e falou que o ‘cartão vermelho’ não foi para ele. VALDO CRUZ: Secretário tem situação ‘complicada’, mas Guedes ainda avalia demissão JULIA DUAILIBI: ala econômica insiste em ideias politicamente inviáveis Meio ambiente em chamas Sem citar nome ou provas, o vice-presidente Hamilton Mourão afirmou nesta terça que ‘alguém’ no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) que faz oposição ao governo Bolsonaro prioriza a divulgação de dados negativos sobre queimadas. O pesquisador Gilvan Sampaio, responsável pela área de monitoramento, disse que ‘jamais faria manipulação de dados’. Enquanto isso, o Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) também divulgou dados que apontam que os alertas de desmatamento subiram 68% em agosto de 2020, na comparação com o mesmo mês em 2019. É o pior agosto verificado nos últimos 10 anos de monitoramento. Onça-pintada ameaçada Em meio às chamas que devastam o Pantanal, o maior felino das Américas luta para sobreviver. O Parque Estadual Encontro das Águas, em Mato Grosso, abriga a maior concentração de onças-pintadas em todo o mundo e está com mais de 70% de sua área atingida pelo fogo. O animal virou um passageiro ‘comum’ em helicópteros na região, que resgatam os bichos feridos. Multas do Ibama despencam apesar de recorde de queimadas no Pantanal Pandemia no Brasil A taxa de transmissão da Covid-19 no país voltou a cair ao menor patamar desde abril, segundo dados do Imperial College London. O estudo mostra que o ritmo do contágio está em 0,9, o que significa que cada grupo de 100 infectados transmite o vírus a outras 90 pessoas. Nas últimas 24 horas, 1.090 mortes pela doença foram confirmadas, totalizando 133.207 óbitos desde o começo da pandemia. Mais de 4,3 milhões de brasileiros foram infectados pelo novo coronavírus. Covid em crianças: 7 pontos sobre o que a ciência já descobriu O que é mais importante: crianças irem para a escola ou bares abertos? Teste da vacina de Oxford no Brasil vai dobrar nº de voluntários Raio X da educação O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica do Brasil (IDEB) mostrou que o nível de qualidade do ensino médio brasileiro continua abaixo do esperado pelo Ministério da Educação. Em 2019, só nos primeiros anos de aprendizagem (até o 5º ano), o país bateu a meta do MEC. O índice leva em conta a aprovação de alunos e o desempenho nas provas de português e matemática. Os números indicam que a aprendizagem dos estudantes ainda tem menor desempenho conforme o aluno avança no sistema de ensino. Estados com melhor Ideb têm ensino integral e políticas articuladas ‘Enem seriado’: como será nova forma de acesso ao ensino superior Trabalho escravo O Supremo Tribunal Federal (STF) declarou constitucional a ‘lista suja’ do trabalho escravo, um cadastro de empregadores que submeteram trabalhadores a condições análogas à de escravo. Em julgamento no plenário virtual, os ministros rejeitaram uma ação contrária à divulgação dessa lista pelo governo. Em outubro de 2019, havia 1.195 pessoas em condições análogas à escravidão no país, numa relação 146 empresas e empregadores. Caso das ‘rachadinhas’ O Superior Tribunal de Justiça adiou o julgamento do recurso do senador Flávio Bolsonaro para paralisar a investigação do caso das ‘rachadinhas’. O ministro Félix Fischer retirou o pedido da defesa do senador da pauta de julgamentos desta terça da Quinta Turma da Corte. Ainda não há data para o caso ser retomado. Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) é investigado por suspeita de peculato, organização criminosa e lavagem de dinheiro em seu gabinete no período em que foi deputado estadual, de 2003 a 2018, na Assembleia Legislativa do Rio. Acordo histórico Abdullatif Al Zayani, do Bahrein; Benjamin Netanyahu, de Israel; Donald Trump, dos EUA e Abdullah bin Zayed, dos Emirados Árabes, durante cerimônia de assinatura de acordo — Foto: REUTERS/Tom Brenner Com a mediação de Donald Trump, autoridades de Israel, dos Emirados Árabes e do Bahrein formalizaram, nesta terça, os acordos de normalização das relações diplomáticas. Durante a cerimônia de assinatura na Casa Branca, o presidente dos EUA afirmou que outros países árabes vão firmar tratados semelhantes: ‘É um dia importante para o mundo’. Já os palestinos se opõem à normalização dessas relações diplomáticas. Entenda. Floresta vertical Foto tirada de 3 de agosto mostra apartamentos com varandas cobertas por plantas em um conjunto residencial em Chengdu, na província de Sichuan, no sudoeste da China — Foto: AFP Além dos posts de pessoas fazendo pão em casa, a quarentena despertou outra paixão do brasileiro: o cultivo de plantas. Podemos dizer até que ficamos íntimos daquela orquídea ou da pacová nova do amigo. Mas na China houve uma discrepância nessa relação. Um conjunto residencial tem plantas exuberantes nas varandas dos apartamentos. O problema é que os imóveis estão sendo tomados pela vegetação, e os moradores têm sofrido com os mosquitos. Veja fotos. Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil www.abracambrsil.org.br E mais... Vídeos, Fotos e Links... Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br

15 de setembro, terça-feira – DESTAQUES DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília.   Pazuello efetivado Eduardo Pazuello, será efetivado no cargo de ministro da Saúde na quarta-feira (16). A posse está marcada para as 17h, no Palácio do Planalto. General do Exército, ele foi nomeado ministro interino em 3 de junho, embora já estivesse, na ocasião, ocupando o posto havia 20 dias, depois que o médico Nelson Teich — do qual era secretário-executivo — pediu demissão. Números do coronavírus Após uma semana com registro de queda, Brasil volta à estabilidade na média de mortes por Covid-19. O país tem 132.125 óbitos e 4.349.723 casos confirmados, aponta balanço do consórcio de veículos de imprensa. A média móvel de novas mortes nos últimos 7 dias foi de 731 óbitos, uma variação de -15% em relação aos dados registrados em 14 dias. MÉDIA MÓVEL: veja como estão os casos e mortes no seu estado PANDEMIA NAS CIDADES: consulte casos e mortes por município Crianças e o coronavírus Estudos ajudam a ciência a responder a algumas perguntas sobre as crianças e a Covid-19: quais os sintomas nelas? Se elas forem infectadas, qual a chance de terem um caso grave da doença? Quanta carga viral têm no corpo? Nesta reportagem, você lerá sobre 7 pontos que a ciência já sabe sobre como o coronavírus afeta as crianças. Trabalho intermitente Enquanto o país fecha vagas formais, os postos de trabalho na modalidade intermitente seguem na contramão. Desde novembro de 2017, quando entrou em vigor a nova lei trabalhista, foram fechados 194.649 postos com carteira assinada no país. No mesmo período, na modalidade intermitente, foram criadas 170.649 vagas. Veja e entenda os dados. Na mesma profissão, homem branco ganha mais do que o dobro da mulher negra, diz estudo O Assunto: planeta em chamas As consequências do aquecimento global saltam aos olhos em imagens trágicas que se repetem pelo mundo: Amazônia, Cerrado, Pantanal e Estados Unidos são palco da devastação. O fogo se alastra em alta velocidade, derruba quilômetros de florestas e mata milhões de animais. Os repórteres da TV Globo Claudia Gaigher, Fabiano Villela e Carolina Cimenti, relatam, respectivamente, de MS, PA e dos EUA, as consequências do fogo. E Renata Lo Prete conversa com Carlos Nobre, presidente do Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas e pesquisador sênior do Instituto de Estudos Avançados da USP. MS entra em emergência por causa das queimadas no Pantanal PF investiga se incêndio foi provocado para transformar área protegida em pasto FOTOS: reduzido a cinzas, Pantanal vira cemitério de animais Veja como ajudar comunidades e espécies ameaçadas pelo fogo Fogo, tempo seco, calorão, chuva preta: o que acontece no Brasil? Camada de poluição dobra em SP com tempo seco e fogo no Pantanal Vida extraterrena Imagem do planeta Vênus é uma combinação de dados da espaçonave Magellan da Nasa e da Pioneer Venus Orbiter — Foto: NASA / JPL-Caltech Um grupo internacional de cientistas informou ter encontrado moléculas de fosfina na superfície de Vênus, um gás que não é produzido naturalmente na Terra, indicando, assim, que pode existir vida microbiana no planeta. Descobertas recentes como a presença de água líquida em Marte, de jatos d’água na lua Europa e de metano líquido na lua Titã animam os cientistas na busca por condições para a vida extraterrestre. Entenda o que a ciência já achou e onde concentra as buscas por vida fora da Terra. Mudanças no seguro-desemprego A área econômica do governo avalia mudanças no seguro-desemprego, como uma forma de poupar recursos e viabilizar o novo programa social, chamado de Renda Brasil. A informação é do secretário Especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, que prevê duas possibilidades: aumento da carência, ou seja, do tempo mínimo de serviço para que o trabalhador tenha direito ao benefício redução no número de parcelas a serem pagas Assembleia-Geral da ONU Por causa da pandemia, a Assembleia-Geral da ONU será virtual pela 1ª vez. Evento marcam os 75 anos da formação das Nações Unidas após o fim da Segunda Guerra. Tradicionais discursos de chefes de Estado e governo, incluindo o do presidente Jair Bolsonaro, estão previstos para a próxima semana. O mistério é se Donald Trump discursará presencialmente em Nova York. Abono salarial O abono salarial PIS-Pasep 2020-2021 começa a ser pago hoje para os trabalhadores nascidos em setembro (PIS) ou com benefício final 2 (Pasep). O calendário de saques se estenderá até 30 de junho de 2021. O canto do ex-goleiro da Chapecoense Jakson Follmann durante participação no “Popstar” — Foto: Globo/Rafael Lima Jakson Follmann agora foca na música e planeja turnê para 2021, mas sem exagero na quantidade de shows. Ao G1, ex-goleiro da Chapecoense, que sobreviveu após a queda do avião que levava o time catarinense para a Colômbia, falou sobre planos e comparou carreiras de jogador e cantor. “‘Não quero fazer inúmeros shows no mês e, sim, poder fazer um show tranquilo”.’ Simon Fuller, do Now United, fala de planos, turnê no Brasil, fãs e produtores Farc A ex-guerrilha e hoje partido político Farc pediu perdão público às milhares de pessoas que sequestrou na Colômbia e expressou arrependimento pela “dor” e pelas “humilhações” que causou. “O sequestro foi um grave erro do qual não podemos fazer nada além de nos arrepender”, disse a direção do partido. “Este lastro hoje pesa na consciência e no coração de cada uma e cada um de nós”, completou em declaração pública. Curtas e Rápidas: Mega-Sena pode pagar R$ 9 milhões nesta terça-feira Exportação pode ajudar pequenas empresas durante a pandemia Futebol Libertadores 19h15: Jorge Wilstermann x Athletico-PR 21h30: Santos x Olimpia www.abracambrasil.org.br www.abracambrasil.org.br Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil E mais... Vídeos, Fotos e Links... Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br

Segunda-feira, 14 de setembro – RESUMO DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Boa noite! Aqui estão as notícias para você terminar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília. Mato Grosso do Sul entra em emergência por causa dos incêndios no Pantanal. Após mais de cinco meses com agências do INSS fechadas, segurados ficam sem perícia no dia da retomada do atendimento presencial. Pazuello vai assumir o Ministério da Saúde após quase 4 meses como interino. E mais uma surpresa em 2020: cientistas identificam uma possível presença de vida em Vênus. Pantanal em chamas O governo federal reconheceu hoje a situação de emergência em Mato Grosso do Sul, após os incêndios no Pantanal atingirem uma área equivalente a quatro vezes as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro juntas. A decisão permite que o estado receba recursos federais. Problemas climáticos afetam várias regiões do país; entenda as relações entre eles Durante a manhã, a Polícia Federal iniciou uma operação que investiga a origem do fogo e cumpriu 10 mandados de busca e apreensão. O órgão diz que as queimadas não são acidentais, e a suspeita é de que começaram para remover a vegetação natural e transformar a área protegida em pastagem. O Pantanal vem sofrendo com incêndios desde meados de julho, deixando um rastro enorme de destruição. Ambientalistas se reuniram em um esforço para tentar salvar os animais feridos; veja como ajudar. Cercados pelo fogo, indígenas são retirados de aldeias às pressas Fogo no Pantanal e falta de chuva fazem poluição dobrar em SP ‘Chuva preta’ no RS pode ter relação com fogo no Pantanal Filas e frustração Houve muita reclamação no primeiro dia de reabertura das agências do INSS pelo país, depois de mais de cinco meses fechadas por causa da pandemia. Médicos decidiram não retomar as atividades, e as perícias agendadas foram suspensas. O presidente do instituto, Leonardo Rolim, disse que a suspensão foi comunicada aos segurados. Mas o que se viu em todo o país foram brasileiros aguardando por um atendimento que não aconteceu, como o o motorista Jocilé Gomes: ‘É triste e humilhante’. Mensagem mostra que INSS só avisou à tarde sobre perícia suspensa Quais serviços voltaram? É necessário agendar? Tire dúvidas Números da pandemia O Brasil passou de 132 mil mortes por Covid, com média móvel de 731 nos últimos 7 dias. Após uma semana registrando queda, o país voltou à estabilidade na média do registro de vítimas. Nas últimas 24 horas foram registradas 454 vítimas da doença. No total, dois estados apresentaram alta de mortes: Acre e Ceará. Veja a situação do seu estado. Presidente do STF Luiz Fux testa positivo para Covid-19 Espinhas, queda de cabelo e psoríase: pandemia está agravando problemas de pele Quase 4 meses sem titular O general Eduardo Pazuello tomará posse como ministro titular da Saúde na quarta-feira (16), após quase 4 meses como interino da pasta. Ele está à frente do Ministério desde que o médico Nelson Teich pediu demissão do cargo, em 15 de maio, e será o terceiro ministro da Saúde no governo Bolsonaro. Educação na pandemia Desde março, crianças e adolescentes tiveram que trocar as salas de aula pelo ensino virtual. O G1 ouviu alunos, pais e professores de oito estados sobre os desafios enfrentados com a suspensão das aulas durante esses seis meses de escolas fechadas no Brasil. Nesta segunda, após um vaivém na Justiça, algumas escolas particulares do Rio voltaram às aulas. A Justiça do Trabalho autorizou o reinício no estado, mas a retomada foi proibida na capital pela Justiça Comum. A medida divide opiniões; leia mais. Dívidas de igrejas O Diário Oficial publicou o veto parcial do presidente Jair Bolsonaro à lei que perdoava dívidas tributárias de igrejas e templos. Mas o próprio Bolsonaro sugeriu, em um rede social, que o Congresso derrube o veto. O Ministério da Economia havia indicado que templos têm, por exemplo, R$ 868 milhões em dívidas com a Previdência. Andréia Sadi: líder diz que governo estuda nova proposta em troca da manutenção do veto Nova denúncia contra Witzel A Procuradoria-Geral da República (PGR) denunciou ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) pela segunda vez Wilson Witzel. Agora, o governador afastado do Rio de Janeiro é acusado pelo Ministério Público como líder de uma organização criminosa que teria montado um esquema para o desvio de recursos públicos. Mais 11 pessoas foram denunciadas, entre elas a primeira-dama Helena Witzel e o presidente nacional do PSC, pastor Everaldo Pereira. Wilson Witzel diz que jamais cometeu atos ilícitos. Suspeitas no Instituto Lula A força-tarefa da Lava Jato no Paraná denunciou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci e o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, por lavagem de dinheiro. A denúncia do Ministério Público Federal indica repasse de propina pela Odebrecht em doações ao instituto no valor de R$ 4 milhões, entre dezembro de 2013 e março de 2014. A defesa do ex-presidente disse que doações estão devidamente documentadas e a defesa de Okamotto negou envolvimento no caso. Racismo Mais um caso de violência policial contra homens negros causou revolta nos Estados Unidos. Roderick Walker, de 26 anos, foi abordado por agentes na Geórgia. Em um vídeo amplamente compartilhado nas redes sociais, um policial dá socos repetidamente no rosto de Walker, que estava com a namorada, o filho de 5 meses e o enteado. O agente foi demitido e Walker preso sob suspeita de obstrução do trabalho da polícia e agressão. Flávia Oliveira: ‘Debate racial nos EUA está encarnado na violência policial contra negros’ Em novo post, Neymar cobra punição a zagueiro por ofensa racista Presença extraterrestre O ano de 2020 segue nos surpreendendo, mas agora com ‘coisas de outro mundo’. 👽 Nesta segunda, cientistas celebraram o que pode ser o mais forte indício de vida extraterreste. Um artigo publicado na revista ‘Nature’ aponta a descoberta do gás fosfina na atmosfera de Vênus. A revelação da substância, que existe também na Terra, sugere que o planeta pode hospedar vida microbiana. Entenda. Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil www.abracambrasil.org.br www.abracambrasil.org.br   E mais... Vídeos, Fotos e Links... Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br

14 de setembro, segunda-feira- DESTAQUES DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado,indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília. Bolsonaro veta perdoar dívidas tributárias de igrejas, mas recomenda ao Congresso que derrube sua própria decisão. Justiça impede a reabertura das agências do INSS no estado de São Paulo. Recomeçam os testes com a vacina da Universidade de Oxford e do laboratório AstraZeneca. O Brasil tem 131 mil mortes por Covid-19. Um novo confinamento em Israel. Uma facção criminosa é alvo de operação. O “QG da propina” no Rio. As escolas particulares podem reabrir no RJ. Saques do FGTS. E a morte de Parrerito, do Trio Parada Dura. Dívidas tributárias de Igrejas Jair Bolsonaro decidiu vetar, parcialmente, proposta aprovada no Congresso que perdoava dívidas tributárias de igrejas. Mas o presidente defendeu que o próprio veto seja derrubado no Congresso Nacional. Isso porque, segundo ele, os parlamentares não teriam que se preocupar com as implicações jurídicas e orçamentárias de seus votos. Reabertura de agências do INSS Depois de meses fechadas por causa da pandemia de coronavírus, as agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começam a reabrir para atendimento presencial no país, com exceção do estado de São Paulo Paulo, em razão de uma decisão judicial. Nesta primeira etapa, porém, as agências atenderão apenas segurados agendados. Corrida pela vacina Os testes da vacina da Universidade de Oxford e do laboratório AstraZeneca recomeçam hoje, inclusive no Brasil. A retomada foi considerada segura após análise de reação grave em uma paciente. Cinco mil brasileiros, muitos deles profissionais de saúde da linha de frente, participam do estudo. Entenda os procedimentos. Números da Covid O Brasil tem 131.663 mortes e 4.330.219 casos confirmados de Covid-19, aponta balanço do consórcio de veículos de imprensa. A média móvel de óbitos foi de 710 na última semana. Os números indiciam queda no país. MÉDIA MÓVEL: veja como estão os casos e mortes no seu estado PANDEMIA NAS CIDADES: consulte casos e mortes por município Mundo tem recorde de novos casos da Covid-19 em um dia Novo confinamento em Israel Como o primeiro país do mundo a impor um novo confinamento a seus cidadãos, Israel expõe claramente o fracasso do governo do premiê Benjamin Netanyahu na gestão da pandemia de Covid-19. Desta vez o bloqueio durará pelo menos três semanas, a partir de sexta-feira, coincidindo com os feriados religiosos mais importantes para os judeus: o Rosh Hashanah (Ano Novo) e o Yom Kipur (Dia do Perdão). Leia no blog da Sandra Cohen. Volta às aulas no RJ A Justiça do Trabalho cassou liminar que proibia a volta às aulas na rede privada de ensino do estado do Rio de Janeiro. Com a decisão, de acordo com a lei estadual, as escolas particulares já podem retomar as atividades a partir de hoje nas turmas de ensino fundamental e médio. Na capital, no entanto, as escolas ainda não podem reiniciar as aulas por causa de outra decisão judicial, segundo a Prefeitura do Rio. O governo municipal afirmou que já entrou com recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) e aguarda uma decisão. Mas que dizem pais, alunos e professores? E um especialista dá dicas para quem precisa mandar filho à escola. FGTS emergencial A Caixa Econômica Federal libera o crédito dos novos saques do FGTS para os trabalhadores nascidos em novembro. Os pagamentos serão feitos em poupança social digital da Caixa e, em um primeiro momento, os recursos estarão disponíveis apenas para pagamentos e compras por meio de cartão de débito virtual. Tire dúvidas sobre novos saques do FGTS de até R$ 1.045 Veja como consultar o saldo e a data de liberação dos saques Operação contra facção O Ministério Público de São Paulo realiza operação contra o PCC, facção que atua dentro e fora dos presídios do país. Ao todo, são cumpridos 12 mandados de prisão para suspeitos que estão nas ruas e cerca de 50 mandados de busca e apreensão. Segundo o MP, o objetivo da operação é a prisão dos criminosos que assumiram o controle da facção, depois que os principais chefes foram transferidos para presídios federais, em fevereiro de 2019. ‘QG da propina’ O “QG da Propina” que funcionava na Prefeitura do Rio recebia R$ 1,5 milhão por mês da empresa Assim Saúde para intermediar o fornecimento de planos de saúde a servidores municipais, afirma o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ). A informação foi exibida no Fantástico, que revelou mensagens e documentos inéditos da investigação. Segundo o inquérito, que apura a existência de um suposto esquema de corrupção no governo municipal, o pagamento foi negociado pelo empresário Rafael Alves, irmão do ex-presidente da Riotur Marcelo Alves. Veja mensagens e depoimentos inéditos da investigação no Rio Podcast 🎧: Crivella e o ‘QG da Propina’ Morre Parrerito Parrerito, do Trio Parada Dura, morreu neste domingo (13) — Foto: Trio Parada Dura / Divulgação O cantor Parrerito, do Trio Parada Dura, morreu na noite de ontem, em Belo Horizonte. Diagnosticado com Covid-19, o músico estava internado desde o dia 29 de agosto e não resistiu às complicações da doença. Eduardo Borges, conhecido como Parrerito, tinha 67 anos e era diabético. O cantor Parrerito, do Trio Parada Dura, morreu na noite de ontem, em Belo Horizonte. Diagnosticado com Covid-19, o músico estava internado desde o dia 29 de agosto e não resistiu às complicações da doença. Eduardo Borges, conhecido como Parrerito, tinha 67 anos e era diabético. Incêndios na Califórnia Bombeiro luta contra as chamas no Condado de Madera, na Califórnia, nesta segunda-feira (7). — Foto: Noah Berger / AP Photo O presidente Donald Trump anunciou que pretende viajar nesta segunda-feira ao estado da Califórnia para avaliar o balanço dos incêndios que devastam a costa oeste dos Estados Unidos, que já provocaram ao menos 33 mortes e queimaram mais de 2 milhões de hectares desde o início do ano. TikTok O TikTok não será mais comprado pela Microsoft. Após mais de um mês de negociação, a dona do aplicativo de vídeos, a ByteDance, rejeitou a oferta da gigante de tecnologia de adquirir as operações nos Estados Unidos, Canadá, Austrália e Nova Zelândia. Para evitar ter o aplicativo banido dos Estados Unidos, a operação americana do TikTok precisa ser adquirido por uma empresa norte-americana até amanhã. Além da Microsoft, a Oracle está em negociações. Neymar denuncia racismo VÍDEO www.foconapolitica.com.br Neymar é expulso no Campeonato Francês e diz ter sofrido racismo de jogador espanhol   O atacante Neymar foi um dos envolvidos na grande confusão que marcou o fim do clássico, na derrota por 1 a 0 do Paris Saint-Germain para o Olympique de Marselha, pelo Campeonato Francês. O brasileiro reclamou de ofensas racistas – veja no vídeo acima – que teriam sido proferidas pelo zagueiro espanhol Álvaro González. “Único arrependimento que tenho é por não ter dado na cara desse babaca” Brasileirão VÍDEO  www.foconapolitica.com.br Corinthians e Flamengo perderam seus jogos na rodada de ontem do Brasileirão. O Inter empatou, mas manteve a liderança. E Vasco e Botafogo fizeram um clássico cheio de gols. Veja a classificação, os próximos jogos da temporada nacional e os gols (no vídeo acima). Curtas e Rápidas: 🎧O Assunto: A corrida por meteoritos no sertão nordestino EUA liberam voos vindos do Brasil em todos os aeroportos, mas turismo continua suspenso País tem mais de 80 concursos com inscrições abertas para preencher 8,7 mil vagas E mais… Vídeos, Fotos e Links… Clicar abaixo: EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br   www.abracambrasil.org.br www.abracambrasil.org.br  

RESUMO DA SEMANA DE 07 A 12 DE SETEMBRO - ABRACAM NOTÍCIAS

Foco na Política com o jornalista Milton Atanazio direto da Capital Federal   As 5 mais do Poder 360   1 – ECONOMIA Arroz bateu recorde de exportações e preço mais que triplicou em 10 anos SÃO BORJA-RS, BRASIL, 18.02.11: Edair Marchezam produtor de arroz em São Borja/RS. Foto Claudio Fachel/Palácio Piratini Análise de 2010 a 2020; Preço em dólar baixou; Venezuela é quem mais compra O preço do arroz produzido no Brasil mais que triplicou de janeiro de 2010 até o final de agosto. O valor da saca de 50 kg, vendida pelos produtores, subiu bem além da inflação do período. Em dólares, o preço do arroz caiu 0,8% no mesmo período. É o que indica levantamento (181 KB) do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da USP. O encarecimento do arroz para os consumidores nos últimos meses está relacionado à desvalorização do real frente à moeda norte-americana. Com o dólar num patamar mas elevado, os produtores tendem a exportar mais. Isso diminui a oferta no mercado interno e contribui para a alta do preço. EXPORTAÇÕES A exportação de arroz bateu recorde em 2020. Até 31 de agosto, mais de 1 milhão de toneladas foram vendidas para o exterior. Já o volume importado caiu 17,2% no último ano. O governo federal zerou as taxas de importações do produto e também definiu critérios para a isenção. A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) assegurou  que não faltará arroz nos supermercados. DESTINO DO ARROZ A Venezuela é a maior compradora do arroz brasileiro neste ano. O país adquiriu 246,4 mil toneladas até 31 de agosto –ou seja, 21,4% de todo volume exportado no período. Na comparação por valores, a Venezuela se mantém na dianteira. Comprou US$ 83 milhões em arroz do Brasil. Peru, Senegal e Costa Rica são os próximos países que mais gastaram com importações de arroz. Os dados acima foram obtidos pela Comex Stat, a plataforma do Ministério da Economia que detalha importações e exportações do Brasil. O levantamento do Poder360 considera a categoria mais ampla de arroz, que agrupa os demais subtipos. 2 – JUSTIÇA STF determina que Bolsonaro deponha presencialmente sobre interferência na PF Presidente Jair Bolsonaro anuncia ajuda a empresas durante a crise da pandemia do coronavírus, acompanhando presidente da CEF, Pedro Guimarães, presidente do BC, Roberto Camapos Neto, e o Presidente do BNDES, Gustavo Montezano, no Palácio do Planalto.Sérgio Lima/Poder360 27.03.2020 Por estar em condição de investigado; Decisão do ministro Celso de Mello O ministro Celso de Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal) negou pedido do presidente Jair Bolsonaro para prestar depoimento por escrito em inquérito no qual é investigado por suposta interferência na Polícia Federal. A decisão ficou pronta em 18 de agosto, quando o ministro, inesperadamente, sofreu internação hospitalar e posterior cirurgia. De licença médica, com base na Lei Orgânica da Magistratura, assinou o ato nesta 6ª feira (11.set.2020). No documento, o decano afirma que o depoimento por escrito só é permitido aos chefes dos Três Poderes da República que figurem como testemunhas ou vítimas. Em caso de condição de investigados ou réus, devem depor presencialmente. “O senhor Presidente da República, por ostentar a condição de investigado, não dispõe de qualquer das prerrogativas (próprias e exclusivas de quem apenas figure como testemunha ou vítima) a que se refere o art. 221, “caput” e § 1º, do CPP, a significar que a inquirição do Chefe de Estado, no caso ora em exame, deverá observar o procedimento normal de interrogatório  respeitando-se, desse modo, tanto o comparecimento pessoal quanto a necessária relação de direta imediatidade com a autoridade competente (a Polícia Federal, na espécie), conferindo-se, assim, efetividade ao princípio da oralidade, sem prejuízo da possibilidade de o senhor Sérgio Fernando Moro, querendo, por intermédio de seus Advogados, exercer o direito de participar do ato de interrogatório do Presidente da República e de dirigir-lhe perguntas”, diz a decisão. Em condição de investigado, o presidente pode se reservar ao direito de permanecer em silêncio. O dia e local para o depoimento não foram determinados pelo ministro. Devem ser definidos pela Polícia Federal. O inquérito, aberto em 27 de abril, tem como base declarações feitas pelo ex-ministro da Justiça Sergio Moro, em 22 de abril, quando deixou o cargo no Executivo. A PF pediu ao Supremo mais 30 dias para concluir a apuração do caso. Segundo o ex-ministro, a intenção fica demonstrada em declarações do presidente na reunião ministerial de 22 de abril. Na decisão, Celso de Mello permitiu ainda que a defesa de Sergio Moro possa acompanhar o interrogatório e fazer perguntas ao presidente. Em nota, Rodrigo Sánchez Rios, advogado de Sergio Moro, disse que a decisão “assegura igualdade de condições entre as partes”. “A decisão do ministro Celso de Mello determinando a oitiva presencial do Presidente da República na condição de investigado no âmbito do Inquérito 4831 assegura igualdade de condições entre as partes, uma vez que o ex-ministro Sergio Moro também foi ouvido presencialmente logo no início da investigação. A isonomia de tratamento é exigência constitucional inarredável”, diz a nota. A Advocacia Geral da União, que faz a defesa do presidente, informou que só se manifestará no processo. O Planalto disse que não comentará a decisão. 3 – JUSTIÇA Secretário de Educação e Cristiane Brasil recebiam propina em dinheiro, diz MP-RJ Foram presos na 6ª feira; Ela usava ‘mulheres da mala’; Assessoras recebiam valores para ex-deputada se blindar. O secretário de Educação do Rio de Janeiro, Pedro Fernandes (PSC), e a ex-deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) recebiam propina em dinheiro, segundo o MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro). Fernandes foi preso na manhã desta 6ª feira (11.set.2020). Há mandado de prisão contra Cristiane. Ela deve se apresentar à policia ainda nesta 6ª feira. As prisões fazem parte da 2ª fase da operação Catarata, que investiga supostos desvios em contratos de assistência social do governo estadual e municipal do Rio. O MP-RJ suspeita que o esquema tenha desviado, de 2013 a 2018, R$ 30 milhões dos cofres públicos. O órgão denunciou 25 pessoas por envolvimento. A denúncia do MP-RJ aponta Pedro Fernandes como chefe do esquema. O órgão afirma que ele, então deputado estadual, recebia propinas em espécie. “Os valores das vantagens indevidas eram tão elevados que, além de serem pagos parceladamente, era mantida uma ‘conta corrente informal da propina’, o que possibilitava que ele recebesse mensalmente parcelas dos valores espúrios, em espécie”, diz a denúncia, que foi divulgada pelo G1. O MP-RJ afirma que “propinas eram recebidas de 3 formas, dependendo do político envolvido”. Na maioria das vezes, era feita em espécie na sede da Servlog Rio, onde o grupo operava o esquema. Outras vezes, por meio de pagamentos de despesas dos políticos ou por depósitos bancários do dinheiro em contas de terceiros. A denúncia mostra que, para blindar Cristiane Brasil, 2 assessoras políticas recebiam a propina destina a ela –estratégia conhecida como “mulheres da mala”. As assessoras Vera Lúcia Gorgulho Chaves de Azevedo e Suely Soares da Silva também foram denunciadas. Cristiane Brasil é pré-candidata à Prefeitura do Rio e filha de Roberto Jefferson, presidente nacional do PTB. Em nota, a assessoria da ex-deputada federal afirma que ela não está no Rio de Janeiro e deve se apresentar à policia ainda nesta 6ª feira (11.set). De acordo com a nota, Cristiane Brasil afirmou considerar a denúncia como “uma tentativa clara de perseguição política”. “Tiveram 8 anos para investigar essa denúncia sem fundamento, feita em 2012 contra mim, e não fizeram pois não quiseram”, diz a nota. “Mas aparecem agora que sou pré-candidata a prefeita numa tentativa clara de me perseguir politicamente, a mim e ao meu pai. Em menos de uma semana, Eduardo Paes, Crivella e eu viramos alvos. Basta 1 pingo de racionalidade para se ver que a busca contra mim é desproporcional. Vingança e política não são papel do Ministério Público nem da Polícia Civil”, completa. A ex-deputada também se pronunciou no Twitter sobre a operação: Em nota, a defesa de Pedro Fernandes disse que o secretário “ficou indignado com a ordem de prisão”. “O advogado dele vinha pedindo acesso ao processo desde o final de julho, mas não conseguiu. A defesa colocou Pedro à disposição das autoridades para esclarecimentos na oportunidade. No entanto, Pedro nunca foi ouvido e só soube pela imprensa de que estava sendo investigado por algo que ainda não tem certeza do que é”, diz a nota. 4 – Giro covid-19: Saiba as notícias da pandemia Vacina de Oxford suspensa, eleições com máscara e novos testes Testes da vacina de Oxford são suspensos: 1 voluntário do Reino Unido apresentou reação adversa severa à substância; Eleitores sem máscara serão proibidos de votar: as pessoas que tiverem febre ou covid-19 nos 14 dias antes das eleições não devem comparecer ao pleito; Brasil testará 5ª vacina contra a covid-19: batizado de UB-612, o imunizante entrará nas fases 2 e 3 de testes. VÍDEO  -   www.foconapolitica.com.br 5 – RIO DE JANEIRO Bretas será julgado por participar de eventos políticos com Bolsonaro undefined 300w, undefined 97w" alt="" class="wp-image-1558" style="margin: 0px; padding: 0px; border: 0px; font: inherit; vertical-align: bottom; max-width: 100%; height: auto;" /> Participou de culto religioso e de inauguração de obra com o presidente e Crivella O TRF-2 (Tribunal Regional Federal da 2ª Região) irá julgar na próxima 5ª feira (17.set.2020) o juiz federal do Rio de Janeiro Marcelo Bretas. O magistrado é investigado por participar de eventos políticos com o presidente Jair Bolsonaro e com o prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republicanos). Em fevereiro, Bretas participou de 2 eventos com Bolsonaro e Crivella: a inauguração de uma alça na Ponte Rio-Niterói e uma festa evangélica na praia. Juízes são proibidos de terem envolvimento em atividades político-partidárias. Por isso, a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) apresentou ao CNJ (Conselho Nacional de Justiça) uma reclamação disciplinar contra Bretas. Na época, o corregedor nacional de Justiça do CNJ era Humberto Martins. Em maio, ele determinou que o TRF-2 investigasse Bretas por “atos de caráter político-partidário” e “superexposição e promoção”. Agora, Martins é presidente do STJ (Superior Tribunal de Justiça). Nesta semana, Bretas ordenou busca e apreensão na casa do filho do presidente do STJ, o advogado Eduardo Martins. Ele havia sido denunciado pelo Ministério Público do Rio por envolvimento com desvios ilegais de dinheiro do Sistema S. O TRF-2 nega que o julgamento tenha alguma relação com a operação. “Sua inclusão em pauta foi realizada no dia 2 do mesmo mês e a intimação das partes foi efetuada no dia 4, portanto antes da deflagração da operação da PF“, afirmou o TRF-2, em nota. “Tais explicações visam a afastar o risco de qualquer ilação que relacione equivocadamente a marcação do julgamento com a operação da Polícia Federal“. DEFESA DE BRETAS Na época em que a OAB apresentou a ação, o juiz afirmou pelo Twitter que “em nenhum momento cogitou-se tratar de eventos político-partidários, mas apenas de solenidades de caráter técnico/institucional (obra) e religioso (Culto)“. “Vale notar que a participação de autoridades do Poder Judiciário em eventos de igual natureza dos demais Poderes da República é muito comum, e expressa a harmonia entre esses Poderes de Estado, sem prejuízo da independência recíproca“, argumentou. O TRF-2 (Tribunal Regional Federal da 2ª Região) irá julgar na próxima 5ª feira (17.set.2020) o juiz federal do Rio de Janeiro Marcelo Bretas. O magistrado é investigado por participar de eventos políticos com o presidente Jair Bolsonaro e com o prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republicanos). Em fevereiro, Bretas participou de 2 eventos com Bolsonaro e Crivella: a inauguração de uma alça na Ponte Rio-Niterói e uma festa evangélica na praia. Juízes são proibidos de terem envolvimento em atividades político-partidárias. Por isso, a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) apresentou ao CNJ (Conselho Nacional de Justiça) uma reclamação disciplinar contra Bretas. Na época, o corregedor nacional de Justiça do CNJ era Humberto Martins. Em maio, ele determinou que o TRF-2 investigasse Bretas por “atos de caráter político-partidário” e “superexposição e promoção”. Agora, Martins é presidente do STJ (Superior Tribunal de Justiça). Nesta semana, Bretas ordenou busca e apreensão na casa do filho do presidente do STJ, o advogado Eduardo Martins. Ele havia sido denunciado pelo Ministério Público do Rio por envolvimento com desvios ilegais de dinheiro do Sistema S. O TRF-2 nega que o julgamento tenha alguma relação com a operação. “Sua inclusão em pauta foi realizada no dia 2 do mesmo mês e a intimação das partes foi efetuada no dia 4, portanto antes da deflagração da operação da PF“, afirmou o TRF-2, em nota. “Tais explicações visam a afastar o risco de qualquer ilação que relacione equivocadamente a marcação do julgamento com a operação da Polícia Federal“. DEFESA DE BRETAS Na época em que a OAB apresentou a ação, o juiz afirmou pelo Twitter que “em nenhum momento cogitou-se tratar de eventos político-partidários, mas apenas de solenidades de caráter técnico/institucional (obra) e religioso (Culto)“. “Vale notar que a participação de autoridades do Poder Judiciário em eventos de igual natureza dos demais Poderes da República é muito comum, e expressa a harmonia entre esses Poderes de Estado, sem prejuízo da independência recíproca“, argumentou.   As 5 mais da CNN   1 – ONU Em entrevista à Adriana Mabília, editora de internacional da CNN, o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU) e ex-primeiro-ministro de Portugal, António Guterres, ressaltou a importância do multilateralismo para o mundo, especialmente em momentos de emergência global, como a pandemia do novo coronavírus. “A Covid-19 deixou o mundo de joelhos. Nessa situação de fragilidade é preciso entender que se cada país tentar resolver seu problema, não vamos a lugar nenhum”, disse. Guterres também falou sobre os incêndios na Amazônia e o fenômeno global de queimadas: “O homem tem estado em guerra contra a natureza. É um conflito suicida, porque a natureza responde com agressividade”. Assista à entrevista completa. 2 – ARROZ O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) negou a possibilidade de interferir no preço dos alimentos, após uma forte alta sobre o custo de itens básicos. Ele afirmou também que conversou com o ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, para autorizar que os serviços de Defesa do Consumidor possam questionar os supermercados sobre o aumento. Em São Paulo, o Procon vai multar estabelecimentos que cobrarem mais de R$ 40 no pacote de 5 kg de arroz. A orientação de associações de supermercados aos consumidores é buscar substituir o arroz por produtos mais baratos. Uma das opções citadas é o macarrão. Mas há diferenças nutricionais entre os produtos? Veja o que dizem nutricionistas, especialmente sobre o macarrão instantâneo. 3 – COVID-19 A Justiça do Trabalho suspendeu a volta às aulas presenciais nas escolas e faculdades particulares no estado do Rio de Janeiro. O retorno estava programado para a próxima segunda-feira (14). Em São Paulo, a prefeitura aguarda o resultado de um inquérito epidemiológico, realizado com crianças de 4 a 14 anos, para decidir se a capital retoma as aulas no dia 7 de outubro. Em entrevista à CNN, o prefeito Bruno Covas (PSDB), afirmou que o pior momento da pandemia na cidade já passou, mas que a situação grave ainda persiste (clique aqui para assistir). 4 – STF Supremo Tribunal FederalEmpossado nesta quinta-feira (10) como novo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Luiz Fux defendeu que a Corte atue de forma mais unificada em questões que oscilam entre a Justiça e a política. Fux também defendeu um Supremo que julgue menos processos. Para o novo presidente do STF, o Tribunal precisa se concentrar no papel de dar as diretrizes constitucionais a serem seguidas pelas instâncias inferiores (clique aqui e assista). Responsável por falar em nome do Supremo, o ministro Marco Aurélio Mello, que é o mais antigo em atividade (com a licença do decano, Celso de Mello), iniciou seu discurso falando ao presidente Jair Bolsonaro e não ao empossado, Luiz Fux — assista.   5 – DELAÇÃO DE DINIZ O âncora Caio Junqueira teve acesso aos anexos da colaboração premiada do ex-presidente da Fecomércio-RJ Orlando Diniz que foram rejeitados pela Procuradoria-Geral da República (PGR). Os anexos 6 e 9 citam diretamente um ex-presidente da República, um ex-ministro de Estado, oito dos nove ministros do Tribunal de Contas da União, um deputado federal, um ex-deputado federal, além de advogados que acabaram não sendo alvo da operação E$quema S, deflagrada nesta quarta-feira. Leia os principais trechos dos anexos e a íntegra deles. MUNDO Índia volta a bater recorde global de casos de Covid-19Veja os números.Bolsonaro contesta pena maior para maus-tratos a animaisPresidente afirma que fará enquete sobre o assunto.Embaixador vê ‘agressão’ à Palestina em acordo de Israel e Emirados ÁrabesAssista no CNN Mundo.EUA mudam regras para voos do exterior e flexibilizam triagem de brasileirosEntenda. 13 múmias misteriosas foram descobertas em poço no Egito — veja fotos.  Caro @LeoDiCaprio, o Brasil está lançando o projeto de preservação ‘Adote um Parque’, que permite a você ou qualquer outra empresa ou indivíduo escolher um dos 132 parques na Amazônia e patrociná-lo diretamente por 10 euros por hectare por ano. Você vai colocar seu dinheiro onde sua boca está?Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente, em resposta no Twitter ao astro de Hollywood Leonardo DiCaprio às críticas feitas ao governo brasileiro.   Edição com informações da CNN e Poder 360 selecionadas pelo jornalista Milton Atanazio de Foco na Política E MAIS... VÍDEOS, FOTOS,LINKS E MAIS NOTÍCIAS... CLICAR ABAIXO: Edição Completa www.foconapolitica.com.br    

Sexta-feira, 11 de setembro – RESUMO DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Boa noite! Aqui estão as notícias para você terminar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília. O Brasil ultrapassa a marca de 130 mil mortos pelo coronavírus. O ministro do STF Celso de Mello determina que o presidente Jair Bolsonaro preste depoimento presencialmente sobre a suposta interferência na Polícia Federal. No Rio de Janeiro, a ex-deputada federal Cristiane Brasil e o secretário de Educação, Pedro Fernandes, são presos em operação anticorrupção. E a Justiça diz que o prefeito Marcelo Crivella protagonizava esquema ‘gigantesco’ de corrupção. Depoimento presencial O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, determinou que Bolsonaro preste depoimento pessoalmente à Polícia Federal no inquérito que apura a suposta interferência no órgão. Mello negou o pedido do presidente para responder às perguntas por escrito. Na decisão, o ministro afirma que o depoimento presencial só é permitido aos chefes dos Três Poderes da República que figurem como testemunhas ou vítimas, e não quando estiverem na condição de investigados ou de réus. Nesta tarde, Bolsonaro se reuniu com o advogado-geral da União, José Levi, para avaliar se deve recorrer do entendimento de Celso de Mello. Pandemia no Brasil Mais de 130 mil brasileiros perderam a vida por causa da Covid-19. Os dados do consórcio de veículos de imprensa desta sexta mostram que quatro estados aparecem com alta de óbitos: Acre, Pará, Roraima e Ceará. Nas últimas 24 horas, mais 899 vítimas foram registradas. Com isso, a média móvel é de 699 na última semana. Veja como estão os casos e mortes no seu estado. 7 perguntas para entender o atual momento da pandemia ‘Estamos praticamente vencendo a pandemia’, diz Bolsonaro Retomada das atividades Pela 1ª vez, São Paulo tem todas as cidades na fase que libera o funcionamento de bares, restaurantes, comércio e outras atividades não essenciais. Franca e Ribeirão Preto eram as únicas regiões na categoria laranja e passaram para a amarela nesta sexta. Segundo o governo do estado, para que as regiões evoluam para a fase verde — em que são permitidos eventos, convenções e atividades culturais com público em pé — é necessário uma estabilidade de 28 dias na amarela. Entenda. Após aglomerações, Rio impõe novas restrições a bares e restaurantes Reconhecimento A IBC, mais influente convenção da indústria de mídia, entretenimento e tecnologia no mundo, homenageou o jornalismo feito por TVs na cobertura da pandemia com a entrega do prêmio International Honour for Excellence. Em 2020, a organização decidiu entregar o prêmio para as emissoras em conjunto, e o Grupo Globo está entre as empresas de mídia escolhidas para representar a excelência jornalística na cobertura do coronavírus. Crivella investigado No despacho que permitiu a operação de buscas e apreensão envolvendo Marcelo Crivella, a desembargadora do caso afirmou que o prefeito do Rio e o empresário Rafael Alves eram protagonistas de um esquema “gigantesco” de corrupção. Segundo a Justiça, a ‘subserviência do prefeito’ a Rafael Alves era ‘assustadora’. Eles negam acusações. Suspeita de corrupção A ex-deputada federal Cristiane Brasil se apresentou à Polícia Civil do Rio nesta sexta. Havia um mandado de prisão contra ela na Operação Catarata, que investiga supostos desvios em contratos de assistência social. O esquema teria desviado R$ 30 milhões dos cofres públicos entre 2013 e 2018. Filha do deputador Roberto Jefferson, Cristiane diz que é vítima de ‘perseguição política’. Mais cedo, o secretário de Educação do estado do RJ, Pedro Fernandes, foi preso. Ele apresentou um exame positivo de Covid, o que transformou a prisão preventiva em domiciliar. O secretário se diz ‘indignado’. Depoimento cita pagamento de propina a governador em exercício Desmatamento A Amazônia teve 1.359 km² sob alerta de desmatamento em agosto, apontam dados do Instituto de Pesquisas Espaciais (Inpe). A área, com cerca de 300 km² a mais do que a cidade de Belém, é a segunda maior em cinco anos. Já o Cerrado teve 189 km² da região sob alerta, o menor número desde 2018. O mês passado marca o início da temporada de medições de desmatamento nos biomas brasileiros. Mourão defende novo fundo para financiar desenvolvimento sustentável 11 de setembro O presidente dos EUA, Donald Trump, e o candidato democrata Joe Biden participaram nesta sexta de cerimônias em homenagens às vítimas do 11 de setembro. Ambos visitaram, separadamente, o campo da Pensilvânia, onde um dos aviões sequestrados caiu em 2001. Quase 3 mil pessoas morreram nos ataques terroristas que derrubaram as Torres Gêmeas e atingiram o Pentágono. Agora é Assim? O microbiologista Atila Iamarino e a infectologista Mirian Dal Ben debateram quais são as mudanças definitivas da Covid-19 no dia a dia dos brasileiros na live “Agora é Assim?”. Eles falaram sobre como a situação da pandemia está mais controlada, mas reforçaram a importância de manter as medidas de cuidado e redução de riscos. Afirmaram que é possível receber amigos em casa, até como parte de um reforço para a saúde mental e emocional, mas que é bom limitar o convívio a pequenos grupos constantes. Reveja aqui. Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil www.abracambrasil.org.brwww.abracambrasil.org.br www.abracambrasil.org.br E MAIS... VÍDEOS, FOTOS E LINKS E MAIS NOTÍCIAS... CLICAR ABAIXO: Edição Completa www.foconapolitica.com.br

11 de setembro, sexta-feira – DESTAQUES DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília. A prisão do secretário de Educação do Rio de Janeiro em operação que mira também a ex-deputada federal Cristiane Brasil. Falta crédito para micro e pequenas empresas. O Assunto também trata do tema e fala sobre o Pronampe. A contratação de servidores federais por concurso público é a menor desde 2011. Os números da pandemia no Brasil. Live do G1 vai debater saúde e comportamento na crise sanitária. Sai mais um lote do auxílio emergencial. E as lives de hoje. Prisão de secretário de Educação do RJ O secretário estadual de Educação do Rio de Janeiro, Pedro Fernandes, foi preso na segunda fase da Operação Catarata, que investiga supostos desvios em contratos de assistência social no governo do estado e na Prefeitura do Rio. Fernandes apresentou um exame positivo de Covid-19, o que transformou a prisão preventiva em domiciliar. Outras três pessoas foram detidas. Há ainda um mandado de prisão contra a ex-deputada federal Cristiane Brasil, filha do também ex-deputado federal Roberto Jefferson. Pronampe A maioria dos grandes bancos não tem mais crédito para a segunda fase do Programa de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe), anunciada em 31 de agosto. Recursos já se esgotaram no Banco do Brasil, Bradesco e Santander. O programa é destinado para microempresas (com faturamento de até R$ 360 mil no ano) e empresas de pequeno porte (faturamento até R$ 4,8 milhões no ano), além de abranger profissionais liberais. O Assunto O socorro que não chega às pequenas empresas. Neste episódio, Marcio Gomes conversa com Carlos Melles, presidente do Sebrae, e com Lauro Gonzalez, professor e coordenador do Centro de Estudos de Microfinanças e Inclusão Financeira da FGV. Melles explica quem tem direito ao crédito. Gonzalez detalha como o Pronampe ainda é insuficiente.   Agora é assim? Atila Iamarino e Mirian Dal Bem — Foto: Divulgação / Arquivo pessoal Live do G1 hoje, a partir das 19h30, vai debater saúde e comportamento na pandemia. Participam o microbiologista Atila Iamarino e a infectologista Mirian Dal Ben. Assista aqui! Números da pandemia no Brasil O Brasil chegou a 129.667 mortes e 4.241.797 casos confirmados de Covid-19, aponta balanço do consórcio de veículos de imprensa. A média móvel de registros foi de 27.659 por dia, apontando uma variação de -29% em relação aos casos registrados em 14 dias. É a maior queda desde o início da pandemia. MÉDIA MÓVEL: veja como estão os casos e mortes no seu estado PANDEMIA NAS CIDADES: consulte casos e mortes por município Queda na média móvel de mortes por Covid no Brasil deve ser vista com cautela; veja análise de especialistas Concursos A contratação de servidores federais por concurso público é a menor desde 2011. Nos primeiros sete meses do ano, 32.040 profissionais foram admitidos via concurso público, contra 30.476 no mesmo intervalo de 2011. Governo autoriza concurso do IBGE para até 6.500 vagas temporárias Auxílio emergencial A Caixa Econômica Federal (CEF) paga nesta sexta-feira mais uma parcela do Auxílio Emergencial a 4 milhões de trabalhadores nascidos em maio, que fazem parte do Cadastro Único e aqueles inscritos por meio de aplicativo, site ou pelos Correios. Veja o calendário de pagamentos e tire dúvidas. Arroz mais caro Arroz ficou 20% mais caro desde o início do ano – e deve continuar subindo no curto prazo — Foto: Thinkstock via BBC Com a disparada do preço do arroz no Brasil, o governo resolveu facilitar a entrada do grão zerando a tarifa de importação para países de fora do Mercosul. Neste ano, a inflação do produto já subiu 19,25%. A medida, segundo a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, deve facilitar o ingresso do alimento no país. Veja quais países lideram a venda e a compra de arroz do Brasil. Enquanto isso, o ministério da Economia pediu ao Ministério da Justiça informações sobre notificação a supermercados, que dizem que não são os vilões da crise de preços. Ao volante aos 14 anos Ruben Navarette, de 14 anos, posa ao volante do veículo que teve que dirigir pela primeira para fugir de incêndio na Califórnia — Foto: Frederic J. Brown / AFP Photo Ruben Navarette, de 14 anos, precisou aprender a dirigir na marra. Sua primeira vez ao volante de um carro foi em uma estrada estreita e íngreme. Ele pilotou para fugir de incêndio na Califórnia. “É como um videogame, Ruben”, disse o menino, que se prepara para começar a 9ª série. Omissão em investigação A Defensoria de São Paulo entrou com uma representação contra o estado brasileiro na Comissão Interamericana de Direitos Humanos, da Organização dos Estados Americanos (OEA), por suposta omissão na investigação da morte de uma mulher após internação em uma clínica psiquiátrica em Salto do Pirapora, região de Sorocaba, no interior de São Paulo. Eliana Delaneze morreu aos 44 anos em 2011. O inquérito foi arquivado e o pedido de indenização, negado. Lives de hoje Humberto Gessinger, Maiara & Maraisa e Marcos & Belutti estão entre os artistas que fazem live nesta sexta-feira. Clique aqui e veja a lista de shows online. Nascidos em 2000 MC Ingryd fica na “geladeira” após hit do Carnaval e pensa em trocar música por gastronomia. Cantora de “Vem me satisfazer” reclama da falta de lançamentos. G1 mostra histórias de artistas que nasceram nos anos 2000. Curtas e Rápidas: Falta de documentos é uma das principais razões para o INSS negar benefícios; veja o que fazer MAM volta a receber público após 5 meses fechado por conta da pandemia Peugeot diz que turbo deixaria preço do novo 208 inviável e defende 1.6: ‘motor seguro’ 8 empresas abrem vagas de emprego, estágio e trainee; veja lista ‘Marvel’s Avengers’ desvia de desastre anunciado e se salva por muito pouco; G1 jogou www.abracambrasil.org.br www.abracambrasil.org.br Agencias Noticiosas: Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil E MAIS... VÍDEOS, FOTOS E LINKS E MAIS NOTÍCIAS... CLICAR ABAIXO: Edição Completa www.foconapolitica.com.br

Quinta-feira, 10 de setembro – RESUMO DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Boa noite! Aqui estão as notícias para você terminar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília. Fux toma posse como presidente do STF. Partidos terão que repartir recursos entre brancos e negros já nesta eleição. Guedes cobra explicações do Ministério da Justiça sobre ‘monitoramento de preços’. Um dos maiores defensores dos povos indígenas é morto com uma flechada. Mico-leão-dourado na Amazônia? Mourão e Salles cometem gafe ao postar vídeo. Candidatos brancos e negros O ministro Ricardo Lewandowski, do STF, determinou que a divisão proporcional do fundo eleitoral e do tempo de rádio e TV entre candidatos brancos e negros comece a valer já nas eleições deste ano. A nova regra foi aprovada pelo TSE, mas entraria em vigor somente em 2022. A decisão, que atende a um pedido do PSOL, é provisória e ainda passará pelo plenário do Supremo. Fux no comando Ministro Luiz Fux — Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF O ministro Luiz Fux tomou posse hoje como novo presidente do STF, substituindo Dias Toffoli, em um mandato de 2 anos. A ministra Rosa Weber assumiu a vice-presidência. Em seu discurso, Fux disse que não admitirá agressão à Corte e o recuo no combate à corrupção. Também afirmou que ‘não hesitará’ em tomar decisões a favor da democracia, das minorias e da liberdade. Marco Aurélio diz a Bolsonaro que ele é ‘presidente de todos’ VÍDEOS: veja os discursos da cerimônia Brasil da pandemia O Brasil registrou a maior queda em casos de Covid desde o início da pandemia. A média móvel de infeções foi de 27.659 por dia, apontando uma variação de -29%. Segundo especialistas, essa diminuição deve ser vista com cautela, e a transmissão deve continuar, mas em patamar mais baixo. De acordo com o consórcio de veículos de imprensa, houve mais 922 mortes por coronavírus no país, e o total passa de 129 mil. Mais de 4,2 milhões de pessoas já foram infectadas. Acordo da Bahia para vacina russa prevê 50 milhões de doses Governo de SP prevê aplicação da vacina chinesa em janeiro Como se proteger no trem, metrô e ônibus? Relações sexuais não transmitem Covid, mas beijo aumenta risco Desde o primeiro registro de óbito por Covid-19 em março, o Brasil viveu uma curva ascendente no número de mortes. Em junho, chegou-se ao platô, com cerca de mil vítimas diariamente. Nos últimos dias, a média móvel caiu mais de 15%. No episódio #272 do podcast O Assunto, Márcio Gomes conversa com o pesquisador da Fiocruz Julio Croda, que explica o que a queda significa e detalha quando é possível considerar uma pandemia sob controle. Ouça: Educação desigual Um estudo com base em informações do IBGE mostra que o número de estudantes negros, pardos e indígenas sem atividade escolar durante a pandemia é quase o triplo que de brancos: 4,3 milhões contra 1,5 milhão sem aulas. O acesso à tecnologia é um fator importante para entender a diferença entre os mais pobres e os mais ricos, abismo que impacta na formação da juventude. Manaus completa 1 mês de reabertura de escolas públicas Corte de quase R$ 1 bi para universidades federais é mantido, dizem reitores ‘QG da Propina’ Nesta quinta, o prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republicanos), foi alvo de buscas e teve o celular apreendido em uma operação que investiga um suposto ‘QG da Propina’ na prefeitura. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão na casa de Crivella e no Palácio da Cidade, onde ele despacha. Segundo as investigações, o empresário Rafael Alves facilitaria, mediante vantagens indevidas, a assinatura de contratos e pagamentos de dívidas com o município. O Ministério Público apura se Crivella tem envolvimento com os acordos ilícitos. O prefeito disse que a ação foi ‘estranha’ e ‘injustificada’. Que mico é esse? O vice-presidente Hamilton Mourão e o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, compartilharam um vídeo nas redes sociais que nega as queimadas na Amazônia. As imagens mostram um mico-leão-dourado, animal da Mata Atlântica que não habita a região amazônica. Salles também rebateu o ator Leonardo DiCaprio, que publicou um vídeo com crítica às políticas ambientais do governo Bolsonaro. NATUZA NERY: governo segue achando que queimadas são problema de propaganda ‘Barulho da flecha no peito’ Rieli Franciscato, uma das referências nos trabalhos de proteção aos indígenas isolados na Amazônia, foi morto ontem em Seringueiras, Rondônia. Coordenador da Fundação Nacional do Índio (Funai), ele foi atingido no tórax por uma flecha de bambu, disparada, por índios isolados da região. Um amigo do sertanista narrou os momentos que antecederam a morte de Rieli, de 56 anos. ‘A gente só escutou o barulho da flecha, que pegou no peito dele. Aí ele deu um grito’, diz. Ouça a entrevista. Quem são os índios isolados que mataram, sem saber, um dos seus principais defensores Preço dos alimentos A equipe econômica cobrou explicações do Ministério da Justiça sobre o “monitoramento de preços” em supermercados. A notificação questionada hoje foi autorizada por Bolsonaro, mas em live, ele negou qualquer tentativa de tabelar os alimentos, que tiveram alta nos últimos meses. Tarifa zero na importação pode conter preço do arroz, dizem especialistas Brasil deve importar arroz de EUA e Tailândia, afirma ministra Representante dos supermercados sugere trocar arroz por macarrão Morre Diana Rigg Morreu, na manhã desta quinta, a atriz Diana Rigg. Aos 82 anos, a Rainha dos Espíritos do seriado ‘Game of Thrones’ era vencedora dos prêmios Emmy e Tonny. Entre os mais de 70 papéis em séries e filmes ao longo da carreira, Rigg foi uma agente na série ‘Os Vingadores’ da década de 1960 e tem também trabalhos inéditos, caso do filme ‘Last night in Soho’ e da minissérie ‘Black Narcissus’, que estreiam no ano que vem. Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil www.abracambrasil.org.br www.abracambrasil.org.br E MAIS… VÍDEOS, FOTOS E LINKS E MAIS NOTÍCIAS… CLICAR ABAIXO:Edição Completa www.foconapolitica.com.br

10 de setembro, quinta-feira – DESTAQUES DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília O Brasil registrou mais um dia de queda na média móvel de mortes por coronavírus. Mas é preciso cautela e não é hora de relaxar. O Assunto explica mais o momento da pandemia no país. Veja também respostas para as principais perguntas sobre a pausa temporária da última etapa de testes da vacina da AstraZeneca e da Universidade de Oxford. Arroz mais caro: entenda algumas razões. O resultado do desempenho do comércio. E o Brasileirão tem o clássico Corinthians x Palmeiras. FAÇA JÁ A SUA INSCRIÇÃO  www.abracambrasil.org.br Mortes por Covid em queda? O Brasil registrou ontem o terceiro dia de queda consecutiva na média móvel de mortes por Covid-19. A notícia é boa, mas, segundoespecialistas ouvidos pelo G1, o dado deve ser interpretado com cautela, uma vez que os registros são recentes. Veja análise e entenda. O país chegou a 128.694 óbitos e 4.202.191 casos confirmados de Covid-19, segundo balanço do consórcio de veículos de imprensa. MÉDIA MÓVEL: veja como estão os casos e mortes no seu estado PANDEMIA NAS CIDADES: consulte casos e mortes por município É hora de relaxar? No episódio de hoje de O Assunto, Márcio Gomes entrevista o infectologista Julio Croda, pesquisador da Fiocruz e professor da UFMS. O especialista traduz o que os números significam, explica se estamos diante de um quadro de imunidade de rebanho, contextualiza a situação brasileira com a de outros países e detalha quando poderemos considerar que a epidemia está sob controle. Ouça o episódio abaixo: Pausa temporária A farmacêutica AstraZeneca e a Universidade de Oxford pausaram temporariamente a última etapa de testes (fase 3) da candidata à vacina contra a Covid-19. Veja respostas para as principais perguntas sobre o tema. Novo presidente do Supremo O ministro Luiz Fux em sessão do plenário do Supremo Tribunal Federal — Foto: Nelson Jr. / SCO / STF O ministro Luiz Fux tomará posse como novo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF). A ministra Rosa Weber será a vice. A cerimônia será restrita em razão da pandemia do novo coronavírus. Ele substituirá o ministro Dias Toffoli no comando da mais alta Corte do país. O mandato é de dois anos. Confira os eixos da nova gestão, os detalhes da cerimônia e conheça o perfil de Fux. Toffoli mantém afastamento de Witzel O ministro Dias Toffolinegou suspender o afastamento do governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC). Witzel foi afastado do cargo pelo ministro Benedito Gonçalves, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), em 28 de agosto. Arroz mais caro Consumidores reclamam do aumento nos preços do arroz e feijão na região de Sorocaba — Foto: Reprodução/TV TEM A Câmara de Comércio Exterior (Camex), do Ministério da Economia, decidiu “zerar” — até 31 de dezembro — a alíquota do imposto de importação para o arroz em casca e beneficiado. O objetivo é reduzir o custo do arroz importado para aumentar a oferta e conter a alta de preços do produto no mercado interno. Entenda por que a inflação dos alimentos disparou no país. Dólar alto tem incentivado as exportações, diminuindo a oferta interna, enquanto auxílio emergencial estimula consumo, afirmam especialistas. Expectativa é de que os preços permaneçam altos até o fim do ano. Ministério da Justiça cobra explicações de produtores e supermercados Associação diz que mercados não são ‘vilões’ Veja os 20 itens que mais subiram neste ano 🎧 O ASSUNTO: Por que a cesta básica sobe mais do que a inflação? Prato feito mais caro: arroz lidera a alta dos alimentos no ano — Foto: Amanda Paes/G1 Desempenho do comércio O resultado do desempenho de julho do comércio será conhecido hoje. Em junho, as vendas varejistas cresceram 8%, na comparação com maio, segunda alta consecutiva do setor, após tombo nos meses de março e abril. Violência contra crianças As denúncias de violência contra crianças e adolescentes caíram 12% no Brasil durante a pandemia. Foram registradas 26,4 mil denúncias entre março e junho, segundo menor valor da série histórica iniciada em 2011. Mas o fechamento das escolas pode ter dificultado as notificações. Entenda o levantamento. Geração 2000 Julia e Rafaela — Foto: Divulgação/Mauricio Antonio Julia e Rafaela buscam identidade no campo para nova fase. Irmãs de 18 anos começaram cantando sofrência, mas viram que letras não têm a ver com elas. G1 mostra histórias de artistas que nasceram nos anos 2000. “A gente não gosta de falar de chifre.” Futebol Brasileirão 19h15: Corinthians x Palmeiras 19h15: Internacional x Ceará 19h15: Bahia x Grêmio 21 horas: Vasco x Atlético-GO Mega-Sena Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.297 da Mega-Sena. O prêmio acumulou e pode ir R$ 6 milhões no sorteio de sábado (12). Veja as dezenas sorteadas: 20 – 22 – 35 – 40 – 41 – 59. A quina teve 14 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 97.017,77 A quadra teve 1,2 mil apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 1.616,96 Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil FAÇA JÁ A SUA INSCRIÇÃO  www.abracambrasil.org.br E MAIS… VÍDEOS, FOTOS E LINKS E MAIS NOTÍCIAS… Clicar abaixo a EDIÇÃO COMPLETA www.foconapolitica.com.br

Quarta-feira, 9 de setembro – RESUMO DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Boa noite! Aqui estão as notícias para você terminar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília O arroz mais caro no prato do brasileiro engorda a inflação dos alimentos. E o governo decide zerar o imposto de importação até o fim do ano. A Lava Jato mira advogados por supostos desvios de mais de R$ 150 milhões. E áudios revelam que Trump admitiu a jornalista sobre a gravidade da Covid-19, mas decidiu minimizar os riscos para a população. E o que se sabe até agora sobre a pausa nos testes da vacina de Oxford. Prato mais caro O preço dos alimentos foi destaque para a alta de 0,24% na inflação oficial do país em agosto. A alta não tem apenas um alimento responsável, pois a maioria deles está com preços recordes no campo. Mas 2 deles chamaram a atenção nos últimos dias: o arroz, com valorização de 19,2% no ano, e o óleo de soja, que subiu 18,6%. Entre os motivos estão o dólar alto e o estímulo do consumo com o auxílio emergencial. Entenda aqui. Diante dessa disparada nos preços, a Câmara de Comércio Exterior (Camex) zerou o imposto para importação de até 400 mil toneladas de arroz até o fim do ano. A alta na cesta básica tem preocupado o governo, e Bolsonaro se reuniu com o presidente da Associação Brasileira de Supermercados (Abras), João Sanzovo Neto, para discutir o assunto. Segundo ele, os supermercados não são ‘vilões’. O Ministério da Justiça pediu mais explicações. Saiba mais… www.abracambrasil.org.br Testes pausados Em reunião com investidores, o presidente do laboratório AstraZeneca, Pascal Soriot, deu mais detalhes sobre a suspensão dos testes da vacina contra a Covid. Uma voluntária apresentou sintomas neurológicos que podem estar vinculados a uma inflamação rara da medula, conhecida como mielite transversa. Soriot afirmou que o diagnóstico ainda não foi confirmado, e que a voluntária deve ter alta nesta quarta. Por que estudo foi suspenso? Quando retorna? Veja perguntas e respostas Hoje, a Organização Mundial da Saúde (OMS) elogiou a decisão de pausar os testes da vacina da AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford, e declarou que a ‘segurança é o foco’. Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), nenhum voluntário brasileiro apresentou ‘eventos adversos’ nos testes realizados no país. Reação pode não estar ligada à vacina, diz infectologista Ele sabia Áudios de entrevistas de Donald Trump ao jornalista Bob Woodward mostram que o presidente dos EUA sabia da gravidade do coronavírus e decidiu minimizar os riscos para a população. As gravações foram feitas em fevereiro e divulgadas hoje. As revelações estão em um livro que o jornalista escreveu. Na época, Trump insistia diante das câmeras que o vírus estava sob controle nos EUA, e que a Covid não era mais grave do que gripes sazonais. SANDRA COHEN: Trump manobra para se livrar de mais uma acusação de estupro Pesquisa: Trump está 12 pontos atrás de Biden nas intenções de voto Pandemia no Brasil O Brasil voltou a ter mais de mil mortes por coronavírus em 24 horas. De acordo com o consórcio de veículos de imprensa, foram 1.136 óbitos, e o total desde o início da pandemia chega a 128.653. Mesmo assim, o país segue em tendência de queda considerando a média móvel. No mundo, o número de mortos pela doença passou de 900 mil. Lava Jato Os advogados Frederick Wassef, Ana Tereza Basílio e Cristiano Zanin e Roberto Teixeira foram alvos de nova fase da Lava Jato nesta quarta. Eles já representaram, respectivamente, a família Bolsonaro; o governador afastado do Rio, Wilson Witzel; e o ex-presidente Lula. A força-tarefa investiga desvios de mais de R$ 150 milhões no Sistema S — que engloba Fecomércio, Sesc e Senac — por escritórios de advocacia no Rio e em São Paulo. A polícia cumpriu 50 mandados de busca e apreensão, e 26 alvos viraram réus. A ação foi vista pela OAB como ‘uma clara iniciativa de criminalização da advocacia brasileira’. Bolsonaro, Lula e Witzel não são investigados na operação. Eduardo Cunha é condenado pela 2ª vez PGR prorroga Lava Jato no Paraná até janeiro de 2021 Tragédia no Ninho do Urubu Documentos e mensagens revelam que o Flamengo foi alertado sobre a situação de ‘grande risco’ no alojamento nove meses antes do incêndio que matou dez atletas da base, em fevereiro de 2019. A documentação consta no processo que corre na Justiça do RJ. Em um e-mail de 11 de maio de 2018, os responsáveis pela administração do centro de treinamento receberam um relatório feito por um técnico contratado pelo time que apontava problemas em vários itens do sistema elétrico. Pantanal em chamas Incêndios atingem o Pantanal de Mato Grosso há mais de um mês — Foto: Mayke Toscano/Secom-MT A área queimada no Pantanal em 2020 já passa de 2 milhões de hectares, tamanho equivalente a quase 10 vezes as cidades de São Paulo e Rio juntas, segundo dados do Prevfogo, o Centro Nacional de Prevenção e Combate aos incêndios florestais do Ibama. O Pantanal é o bioma brasileiro mais afetado pelas queimadas proporcionalmente, mas em Mato Grosso os incêndios estão espalhados por todo o estado. Onça-pintada ferida em incêndio no Pantanal volta a caminhar Geração 2000 Agnes Nunes — Foto: Reprodução/Instagram/Agnes Nunes Parece que foi ontem. Mas enquanto você dançava ‘Hey Ya!’ nas festinhas ou ouvia ‘Velha Infância’ pensando no crush no mp3 player, nascia uma nova geração da música brasileira. O G1 mostra os bastidores e a carreira de artistas nascidos nos anos 2000, como a cantora Agnes Nunes, que busca uma ‘estética diferenciada’ em clipes ao misturar MPB e R&B. A jovem conta que começou a gravar vídeos pelo celular em Campina Grande (PB) como forma de esquecer do racismo que sofria a caminho da escola. Os vídeos viralizaram e cantores como Iza e Caetano Veloso começaram a seguir Agnes nas redes sociais. Mudança no Oscar Mais diversidade no cinema. Para concorrer ao Oscar de melhor filme a partir de 2024, as produtoras terão que cumprir novos critérios de inclusão dentro e fora das telas. As exigências serão observadas através de fiscalizações das gravações e do diálogo entre a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos e cineastas e distribuidoras. Conheça os critérios. Saiba mais…  www.abracambrasil.org.br Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil E MAIS... CLICAR ABAIXO: Edição Completa COM VÍDEOS, FOTOS E LINKS E MAIS NOTÍCIAS... www.foconapolitica.com.br

9 de setembro, quarta-feira- DESTAQUES DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília Mais informações no www. abracambrasil.org.br   Operação da Polícia Federal mira ex-advogado da família Bolsonaro e defensores de Lula e Witzel. Testes da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica AstraZeneca foram suspensos temporariamente depois que um voluntário apresentou uma reação adversa. O Brasil registra queda recorde na média móvel de mortes pelo novo coronavírus. O número de feminicídios voltou a crescer no estado de São Paulo durante a pandemia. O Assunto debate a alta nos preços dos componentes da cesta básica. Liminar determina a transferência do ex-médico Roger Abdelmassih da prisão de Tremembé para um hospital penitenciário. E hoje tem rodada do Brasileirão. Advogados alvos de operação Os advogados Frederick Wassef (ex-defensor da família Bolsonaro), Cristiano Zanin (Lula) e Ana Tereza Basílio (Wilson Witzel) são alvos da Operação Lava Jato. O presidente, o ex-presidente e o governador do Rio de Janeiro não são investigados. A ação apura desvios de pelo menos R$ 150 milhões do Sistema S do RJ para propinas a agentes públicos e é baseada em uma delação premiada de Orlando Diniz, ex-presidente da Fecomércio. São 50 mandados de buscas e apreensões. Testes suspensos — Foto: Guilherme Gomes/G1 Os testes da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica AstraZeneca foram suspensos temporariamente. O protocolo de segurança foi acionado após um dos voluntários no Reino Unido apresentar uma reação adversa. Segundo o jornal americano “The New York Times”, um paciente teve mielite transversa, uma síndrome inflamatória que afeta a medula espinhal. A suspensão vale também para o Brasil. A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), uma das entidades responsáveis pelos testes da vacina de Oxford, informou que não houve registro de reações graves à imunização nos 5 mil voluntários brasileiros já vacinados. ESPECIAL: conheça as candidatas à vacina Suspensão temporária dos testes: veja a repercussão dos especialistas Números da pandemia no Brasil O país registrou 516 mortes pela Covid-19, chegando ao total de 127.517 óbitos. A média móvel de mortes registrou queda de 26%. Depois de sábado (5), esta é a terceira vez que a média móvel de mortes aparece com tendência de queda desde 5 de junho, e a primeira em que a queda supera os 20%. São 4.165.124 de infectados no país. Contágio na desigualdade Países com grande desigualdade social, como o Brasil,estão entre os que têmmaior índice de mortalidade por Covid-19 e também são os que mais tempo levam para ver a redução do contágio. É o que aponta um estudo feito por pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais. Entenda mais da pesquisa. Feminicídios em SP — Foto: Fantástico O número de feminicídios voltou a crescer durante a pandemia no estado de São Paulo e mais do que dobrou em julho. Entre janeiro e julho deste ano, as ocorrências de feminicídio atingiram a marca de 101 casos, 12% a mais do que os 90 registros feitos no mesmo período de 2019. É o maior número da série histórica, iniciada em 2016, para este período. 85% dos casos têm autoria conhecida. Entenda o levantamento feito pelo G1 e pela GloboNews. O Assunto As gôndolas de supermercados não mentem: o custo dos alimentos essenciais disparou nas últimas semanas. Arroz, feijão, óleo de soja, leite… A lista de produtos cujos preços saltaram mais de 10% é grande, mesmo diante de um índice de inflação geral abaixo da meta de 4% ao ano, estabelecida para 2020. Neste episódio, Márcio Gomes conversa com o repórter da TV Globo Fábio Turci, que apurou os efeitos da alta para a economia real, e com o economista André Braz, coordenador de índices de preço do Instituto Brasileiro de Economia da FGV. Ouça abaixo: Inflação Será divulgado hoje a inflação de agosto. Em julho, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do Brasil, ficou em 0,36%, puxada principalmente pela alta da gasolina e da energia elétrica, maior taxa do ano. Sarampo no RJ O número de casos de sarampo no Rio de Janeiro cresceu 142% em relação ao ano passado. A Secretaria Estadual de Saúde informou que de janeiro a agosto deste ano foram notificados 1.276 casos no estado. Em 2019, no mesmo período, foram 527 notificações. Para os infectologistas ouvidos pelo G1, um dos principais motivos para alto número de casos atuais é é queda na cobertura vacinal. O Ministério da Saúde informou que metade das crianças brasileiras não recebeu todas as vacinas que deveria em 2020. Abdelmassih será transferido O ex-médico Roger Abdelmassih deixa o prédio do DHPP em São Paulo nesta segunda-feira (31) — Foto: Reprodução/TV Globo Uma liminar concedida pelo Supremo Tribunal Federal determinou a transferência do ex-médico Roger Abdelmassih da P2 de Tremembé para um hospital penitenciário. A decisão foi assinada nesta terça-feira pelo ministro Ricardo Lewandowski, e a transferência pode ocorrer nesta quarta-feira. Oscar A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos anunciou novas exigências para que produções sejam indicadas à categoria de melhor filme do Oscar a partir de 2024. Entenda como será. Curtas e rápidas: Expectativa de contratação melhora para o 4º trimestre, revela pesquisa do ManpowerGroup Auxílio emergencial: Caixa paga nova parcela a 3,9 milhões de inscritos via app, site e Correios Mega-Sena pode pagar R$ 2,5 milhões nesta quarta Futebol Campeonato Brasileiro 17h30: Athletico-PR x Botafogo 18 horas: Fortaleza x Sport 18 horas: Goiás Coritiba 19h15: São Paulo x Bragantino 21h30: Fluminense x Flamengo 21h30: Santos x Atlético-MG Mais informações no www. abracambrasil.org.br Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil E MAIS... CLICAR ABAIXO: Edição Completa COM VÍDEOS, FOTOS E LINKS E MAIS NOTÍCIAS... www.foconapolitica.com.br  

Terça-feira, 8 de setembro – RESUMO DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Boa noite! Aqui estão as notícias para você terminar o dia bem-informado , indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília Os testes com a vacina de Oxford são suspensos temporariamente após voluntário apresentar ‘reação adversa’. Brasil tem queda recorde na média móvel de mortes por Covid. Vacina pausada Os testes da candidata à vacina contra a Covid-19 desenvolvida em conjunto pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica AstraZeneca foram suspensos temporariamente. A farmacêutica esclareceu que o protocolo de segurança foi acionado após um dos voluntários no Reino Unido apresentar reação à vacina. O estudo também é realizado aqui no Brasil, e a Anvisa diz que foi informada sobre pausa e que aguarda mais informações. Farmacêuticas se comprometem a respeitar protocolos de vacina contra Covid ‘Em janeiro, a gente começa a vacinar todo mundo’, diz Pazuello Vacina liberada Enquanto isso, na Rússia, a vacina Sputnik V foi liberada para o público em geral. Segundo o Ministério da Saúde do país, o primeiro lote passou nos testes de qualidade, mas ainda não há datas específicas para ser entregue. A vacina também terá uma versão adaptada para crianças. Dados da pandemia O Brasil teve queda recorde de 26% na média móvel de mortes por coronavírus. Entenda os critérios. A partir de dados das secretariais estaduais de Saúde, o consórcio de veículos de imprensa registrou 127.517 mortes e 4.165.124 infectados desde o início da pandemia. Veja a situação no seu estado. Chefe do Centro de Inteligência do Exército morre de Covid Volta às aulas Muitos alunos por turma, poucos professores jovens e falta de recursos: na volta às aulas, o Brasil precisará superar os desafios impostos pela pandemia. Segundo um relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o país enfrentou mais semanas de escolas fechadas do que a média de países desenvolvidos. São Paulo reabre escolas pra reforço e atividades físicas Escolas particulares de educação infantil reabrem no RS Escolas municipais de Taubaté ficam vazias em 1º dia Faça já a sua inscrição www.abracambrasil.org.br Alta no arroz Em vídeos publicados nas redes sociais, Jair Bolsonaro afirmou que fez um ‘apelo’ aos donos de supermercados para que as margens de lucro de produtos como o arroz fiquem ‘próximas a zero’, e disse que não vai tabelar preços de produtos. A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse não vai faltar arroz no país. Itens essenciais no cardápio dos brasileiros, o arroz sofreu um aumento de mais de 40%, e o feijão ficou 55% mais caro. Carne saqueada Caminhão de carnes é saqueado após tombar em rodovia em SP — Foto: Arte/G1 Um caminhão com 25 toneladas de carne foi saqueado após tombar na manhã desta terça na Rodovia Régis Bittencourt (SP). Não houve feridos no acidente. Imagens mostram pessoas disputando peças inteiras de carne. Carregar nas costas, nos braços ou arrastar: o objetivo era atravessar a pista de qualquer maneira. Carne saqueada de caminhão não é segura para consumo, afirma médico Caminhão carregado de carnes é saqueado após tombar na Rodovia Régis Bittencourt — Foto: Everaldo Silva/Futura Press/Estadão Conteúdo Paes vira réu O Ministério Público Eleitoral acusa Eduardo Paes (DEM) de ter recebido R$ 10,8 milhões da Odebrecht via caixa 2 para sua campanha à Prefeitura do Rio em 2012. O apartamento de Paes foi alvo de busca e apreensão na manhã desta terça. O juiz Flavio Itabaiana também aceitou a denúncia do Ministério Público do Rio e tornou o ex-prefeito e outros quatro investigados (entre eles o ex-chefe da Casa Cvil do RJ Pedro Paulo) réus em investigação sobre corrupção. Paes afirmou que é ‘uma tentativa clara de interferência do processo eleitoral’. Entenda a denúncia contra Eduardo Paes Dívidas de igrejas Um parecer da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), órgão ligado ao Ministério da Economia, recomendou ao governo o veto a uma proposta aprovada no Congresso que perdoa dívidas tributárias de igrejas e as isenta de pagamento de contribuições previdenciárias. Essas medidas foram incluídas, na forma de uma emenda, em um projeto que tramitou no Senado e na Câmara. Presidente Bolsonaro tem até sexta-feira para sancionar ou vetar. Dallagnol Por 9 votos a 1, o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) aplicou uma pena de censura ao procurador Deltan Dallagnol por mensagens em redes sociais nas quais se posicionou contra a eleição do senador Renan Calheiros (MDB-AL) à presidência do Senado em 2019. ‘Dificilmente veremos reforma contra a corrupção aprovada’, afirmava o procurador na postagem. Calheiros apresentou a ação alegando interferência de Dallagnol no pleito. Como consequência, a penalidade atrasa a progressão na carreira e serve de agravante em outros processos no conselho. A defesa do procurador vai recorrer de punição no Supremo Tribunal Federal. Faça já a sua inscrição www.abracambrasil.org.br E MAIS... CLICAR ABAIXO: Edição Completa COM VÍDEOS, FOTOS E LINKS E MAIS NOTÍCIAS... www.foconapolitica.com.br

8 de setembro, terça-feira - DESTAQUES DO DIA - ABRACAM NOTÍCIAS

Bom dia! Aqui estão os principais assuntos para você começar o dia bem-informado, indicados pelo jornalista Milton Atanazio, direto de Brasília Cidades do estado de SP podem reabrir escolas para algumas atividades, mas aulas continuam suspensas. Os números da Covid no Brasil indicam tendência de queda nas mortes. Mas já são mais de 127 mil vítimas. O feriadão foi marcado por cenas de aglomeração e desrespeito às regras país afora. O Assunto explica hoje o que aconteceu na Índia, que vive uma explosão de casos da Covid mesmo após ter feito o maior lockdown do mundo. E começam novos saques do FGTS. Escolas em SP O governo de São Paulo autoriza a partir de hoje que escolas públicas e privadas do estado reabram para reforço escolar, tutoria e atividades esportivas em regiões que estejam na fase amarela do plano de flexibilização econômica há, pelo menos, 28 dias. Já a retomada das aulas presenciais está prevista para o dia 7 de outubro em todo o estado. Dos 645 municípios, 128 devem aderir a reabertura. Capital e 39 cidades da região metropolitana resolveram adiar volta das atividades nas escolas. Já no Amazonas está completando um mês de aulas presenciais. O estado foi o primeiro do país a retomar as aulas na rede pública. Durante o processo, porém, houve protestos. Situação da pandemia O Brasil chegou a 127.004 mortes e 4.147.697 casos confirmados de Covid-19, aponta o balanço do consórcio de veículos de imprensa. A média móvel de novos óbitos registrou queda de 17%. MÉDIA MÓVEL: veja como estão os casos e mortes no seu estado PANDEMIA NAS CIDADES: consulte por município Mais de 240 médicos brasileiros morreram de Covid, diz sindicato Feriadão Comerciantes tomaram conta da Praia de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, nesta segunda (7) — Foto: Marlon Costa / Pernambuco Press O fim de semana prolongado foi de praias, parques e bares lotados pelo Brasil. Mesmo com restrições e limitações impostas por prefeituras e governos estaduais para conter a disseminação do novo coronavírus, os brasileiros se aglomeraram em espaços de lazer e em festas particulares. Veja FOTOS e VÍDEOS. O Assunto No episódio de hoje, entenda o caso da Índia, que realizou um gigantesco lockdown e mesmo assim vive agora uma explosão da Covid. O país passou o Brasil no número de casos, com mais de 4,2 milhões, e é o terceiro em número de óbitos no mundo, atrás de EUA e Brasil. Conflito de versões Os ex-aliados Flávio Bolsonaro e Paulo Marinho, que ficarão frente a frente — Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil; Ellan Lustosa/Código19/Estadão Conteúdo O MPF negou o pedido do senador Flávio Bolsonaro para mudar a data da acareação, marcada para o dia 21 deste mês, entre ele e o empresário Paulo Marinho na investigação do suposto vazamento da operação Furna da Onça. A operação da PF investigou esquemas de corrupção na Assembleia Legislativa do Rio ligados ao ex-governador Sérgio Cabral. Flávio, na época deputado estadual, não era investigado, mas um relatório produzido no âmbito da operação apontou movimentação financeira suspeita do ex-assessor dele na Alerj Fabrício Queiroz. Paulo Marinho diz ter ouvido do próprio Flávio que um delegado da PF vazou informações da operação. Flávio Bolsonaro nega. Saques do FGTS A Caixa Econômica Federal libera o crédito dos novos saques do FGTS para os trabalhadores nascidos em outubro. Os pagamentos serão feitos em poupança social digital e, em um primeiro momento, os recursos estarão disponíveis apenas para pagamentos e compras por meio de cartão de débito virtual. Cada trabalhador poderá sacar até R$ 1.045 de contas ativas (do emprego atual) ou inativas (de empregos anteriores). Tire dúvidas Veja como consultar o saldo e a data de liberação Queimadas Uma área equivalente a 10% de todo o Pantanal mato-grossense já foi destruída pelas queimadas deste ano. E os incêndios continuam fora de controle. Vestibular A Unicamp encerra nesta terça-feira as inscrições para o vestibular 2021, que terá provas em janeiro e fevereiro por causa da pandemia do novo coronavírus. Nesta edição, serão 3.237 vagas em 69 cursos de graduação. Curtas e rápidas: Carol e Vitória falam de pop empoderado e 'mais maduro' após passado de relações abusivas Presos do Rio voltam a receber visitas a partir de quinta-feira, de forma gradual, informa Seap Futebol Liga das Nações 15h45: Dinamarca x Inglaterra 15h45: França x Croácia 15h45: Suécia x Portugal Agencias Câmara, Senado, Brasil, G1 , Poder 360. e internacionais Sputinik Brasil e BBC Brasil www.abracambrasil.org.br www.abracambrasil.org.br E MAIS... CLICAR ABAIXO: Edição Completa COM VÍDEOS, FOTOS E LINKS E MAIS NOTÍCIAS... www.foconapolitica.com.br

ABRACAM

A Associação Brasileira da Câmaras Municipais, foi fundada em 1999 e há vários anos faz inúmeras ações que buscam dar capacidade e qualificação aos vereadores para que exerçam suas funções da melhor maneira possível.

Contato

Sede Brasília, SAS - Quadra 05 - Lote 05, Bloco F - Sala 08 (Setor de Autarquias Sul) Brasília/DF - CEP: 70070-910
Tel.: (61) 3322-0499 - Cel.: (61) 98111-0460
assessoria@abracambrasil.org.br

Menu